» mais
Romildo Gonçalves
F07a3d3f5a04b889a49aed648a10b031
Quarta, 21 de setembro de 2011, 10h38

Amazônia paradoxalmente protegida e esquecida!

Estamos vivenciando diametralmente dois pontos extremos na Amazônia legal brasileira! Por um lado o mundo inteiro a conhece via mídia nacional e internacional, por outro 42%, da população humana nela vivente, estão relegadas a própria sorte sem que ninguém as perceba!Pior literalmente sobrevivendo na mais absoluta pobreza, paradoxal não? Levantamento do Instituto Internacional de Estudos Estratégicos (IISS), confirma o descaso das autoridades brasileiras com essa gente! Compostade nove estados correspondendo a 61% do território nacional, com vinte e dois milhões de habitantes,42% da população humana vivendo condições degradante, vergonhoso não? Embora despontando com tecnologia de monitoramento ambiental comparável a de países como Holanda, Dinamarca, Suíça, Estados Unidos, França... ela vai muito bem. Porémno que se refere àdignidade humana pode ser comparada literalmente a países como Nepal, Haiti, Somália, Bangladesh, Serra Leoa... Paradoxal, não?Se por um lado preserva-se um gigantesco santuário natural, por outro dizima impiedosamente milhares de vida humana,intrigante, não?Que politicaé essa? Para quê?Para quem? Doenças como malária; dengue;Hanseníase; Leishmaniose; Febre Amarela...Erradicadashá séculos voltaram a recrudescerna região com força total,dados divulgados pelo ministério da Saúde mostram que, de janeiro a junho de 2011 foram notificados 115.708 casos de malária na região, é pouco ou quer mais? Tudo isso associado às precaríssimas condições de saneamento básico,moradias, de saúde, lazer... Com a palavra os gestores públicos! Ah! Convivem-se também com trabalho escravo em fazendas; usinas sucroalcooleiras; madeireiras... Assustador, não? Como dizia Paulo freire! Os gestores públicos não conseguem mirar com exatidão esse povo.Na prática existem duas camadas da sociedade humana existentes na Amazônia legal brasileira! Uma vivendo no século 21, e a outra em pleno período paleolítico!Duvida? Venha conferir! Em 2008 o sistema de monitoramento por satélite registrou 719 mil km2, de áreas desmatadas, incêndios florestais e poluição dos recursos hídricos seguem em ritmo acelerado.Outra questão em focosão as novas rotas internacionaisde drogas na região, via fronteiras de terras contínuas desguarnecidas de proteção humana.No afogadilho ministros ex. ministros apregoam estarfazendo desenvolvendosustentávelna Amazônia. Quedesenvolvimento é esse? Para quem? Com que propósito?Como justificar o injustificável? Com a palavra os gestores públicos! Sem mais delongas é inadmissívelum país como o Brasil potência agrícola e econômica, detentor da mais importante florestal nativa do planeta,apresentar IDH tão dispare? para uma região tão rica, não é mesmo? Ou seja, verdadeiros “guetos”, humanos explicitados nas entranhas da floresta, uma vergonha mundial, não? Penso sinceramente que há algo errado nesse discurso, ou será que não? Desenvolver a região promovendo justiça social e respeitando a dignidade humana sãodeveres basilares dos poderes constituídos, visto serem estes osprincípios que norteiam o sentido da vida!Por que será que os gestores públicos, não os conseguem vê-los? Por outro lado não custa lembra-los que a concentração de renda nas mãos de poucos fere de morte qualquer pensamento altruísta, será que eles pensam assim?Pergunta-se que desenvolvimentosustentável é esse praticado na Amazônia legal brasileira? Como explicar aos brasileiros, ao mundo ou a quem quer que seja, que 42% população humana vivem na mais absoluta pobreza na Amazônia legal brasileira?Uma das regiõesmais ricas do planeta?Que paradoxo é esse? Com a palavra os governantes! Os gestores públicos! Não perdemos capacidade de indignar, por isso questionamos!
 

Romildo Gonçalves é Biólogo é Mestre em Educação e Meio Ambiente, Perito ambiental em fogo florestal. romildogoncalves@hotmail.com
MAIS COLUNAS DE: Romildo Gonçalves

» ver todas

Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114