» mais
Aifa Naomi Uehara de Paula
5336ca50466a9c44478aab1eadf2381c
Domingo, 14 de maio de 2017, 09h00

Conquistando cada vez mais

O empoderamento feminino vem trazendo reflexos que vão além do social, estendendo-se, por exemplo, para a economia. Há décadas, o papel de provedor na quase totalidade das vezes era do "chefe" da família, ou seja, do homem, cabendo à mulher o de cuidar do lar e dos filhos. Mas isso, felizmente, é passado. Elas hoje conseguem cuidar de casa e dos filhos e ainda trabalhar fora, desenvolverem-se profissionalmente. Inclusive sem o auxílio de um (a) companheiro (a).

É por isso que elas vêm conquistando cada vez mais destaque na economia, especialmente na chamada classe média. Pesquisas apontam que já são responsáveis por mais de um terço do que é movimentado por essa faixa da sociedade. Ou seja, representam uma força crescente dentro do cenário socioeconômico do país, na medida em que têm mais poder de decisão e de compra. Decidem mais sobre investimentos, aplicações e formas de gastar o dinheiro.

Como as "chefes" da família, as mulheres se mostram cada vez mais preparadas para decidir sobre a melhor forma de lidar com as finanças. Além das necessidades próprias, pensam também nas necessidades dos filhos e até dos companheiros, que muitas vezes se vêem nas hoje grandes filas de desempregados. Elas vêm mudando inclusive os padrões de consumo, fazendo com que indústrias, comércio e prestadores de serviço se adaptem para atender às necessidades específicas delas.

As mães têm conseguido colocar por terra estigmas machistas como o de que "mulher não sabe lidar com finanças". Sua nova posição na sociedade e na economia mostra que elas sabem sim e podem ensinar muito aos homens. Afinal, mesmo ganhando menos que os homens na média, as mulheres têm dado verdadeiras aulas sobre como "esticar" os ganhos e dar conta de todas as responsabilidades. Ainda que não tenham sido educadas para isso. 

Aifa Naomi Uehara de Paula, presidente do Sicoob Central MT/MS
MAIS COLUNAS DE: Aifa Naomi Uehara de Paula

» ver todas

Busca



Enquete

A retomada das obras do VLT pode ser:

Palanque político para 2018
Mais uma balela sem fim
Confio na solução do problema
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114