» mais
Comentar           Imprimir
Cidade
Quinta, 18 de maio de 2017, 21h37

Bairro nobre de Cuiabá sofre sem água e praça não é limpa pela prefeitura


Jota Jota
Especial para o PlantãoNews

Empresário de bairro nobre da capital, reclama que está sem água a quase um mês. Isso tem prejudicado as suas atividades rotineiras. Dono de um salão de corte de cabelos, que fica na Av. São Sebastião, no bairro Goiabeiras, Walter Sigarini disse ao Plantão News que há 10 dias solicitou visita de uma equipe da CAB Cuiabá, mas não foi atendido.

JotaJota
Walter: sem cliente, mas a conta vem no fim do mês.

" Eu já liguei solicitando uma visita técnica, mas até o momento não fui atendido. Não tem nem como lavar o cabelo dos clientes, mas a conta vem; porém a água que é bom nada. Acabo pagando somente pelo ar que vêm pela torneira." - reclama. 

 

Ainda de acordo com o empresário, que há 7 anos tem o estabelecimento na região, que é obrigado a comprar água de caminhão pipa para conseguir atender a seus clientes. "Para não deixar de trabalhar tenho que comprar água de caminhão pipa, que custa em média de R$ 200,00 reais. Isso acaba se tornando um prejuízo, já que pagamos as faturas que chegam todos os meses." afirma.
 

Ainda Goiabeiras

Rui: limpeza da praça para não ficar uma imagem ruim.


Não é só problemas com a falta de água que o bairro tem sofrido. A limpeza da praça Manoel Murtinho (antiga Praça do Cai Cai) não é feita pela prefeitura. Os moradores tem tomado a iniciativa para que a praça fique limpa. Zelador de uma escola infantil o senhor Rui dos Santos, além de sua rotina de cuidar da escola, tem trabalhado para tentar amenizar a situação.

" Limpo a praça todos os dias, já que trabalho aqui na escola e para não passar uma imagem ruim, eu acabo limpando a escola e também a praça".

Rui ainda comenta que todas as quintas -feira, tem uma feirinha com vendas de comidas e produtos artesanais, e que os visitantes acabam deixando o lixo na praça. "Copos descartáveis ,sacolas, etc. fica tudo na praça" - diz ele exclamando que "a falta de consciência das pessoas acaba prejudicando o meio ambiente".
 

Frequentadores da feirinha deixam o lixo no local.

Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A retomada das obras do VLT pode ser:

Palanque político para 2018
Mais uma balela sem fim
Confio na solução do problema
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114