» mais
Comentar           Imprimir
Cidade
Quarta, 18 de outubro de 2017, 18h56

Alunos de escolas municipais participam de projeto de cidadania


Alunos do 2º e 3º ciclos das Escolas Municipais de Educação Básica estão participando do projeto “Onde há educação, a corrupção não tem vez”. Criado pela Promotoria de Justiça de Cuiabá e Várzea Grande em parceria com as Secretarias Municipais de Educação de Cuiabá e Várzea Grande, e do Estado (Seduc), o projeto tem por objetivo proporcionar aos estudantes o conhecimento e a vivencia do exercício da cidadania, da probidade, da representação política e da liderança.

“A ideia é de que a partir de um tema atual, como é o combate à corrupção, possamos levar às crianças valores e referencias de cidadania e respeito, tornando esses alunos aptos à construção de um país sem corrupção”, explicou o promotor de Justiça, Miguel Slhessarenko.

De acordo com o promotor, a partir de pequenas questões, ligadas a realidade mais próxima dos alunos, é possível fortalecer o exercício de cidadania e formar indivíduos que participem da vida comunitária. “O crescimento da comunidade exige esse olhar e, a comunidade precisa estar consciente e organizada para que possa exigir um comportamento ético, serviços eficientes e não ser vitima da corrupção”, destacou.

Vânia Araujo, representante da SME na Rede de Proteção às Pessoas em Situação de Violência (RPPSV), e vice presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Cuiabá, destaca que “as próprias crianças e adolescentes trazem as situações de corrupção de dentro de casa ou vivenciadas nas escolas e mostram para os adultos que elas não querem isso para o seu futuro. Querem vivencias que não reforcem as atitudes corruptas”.

O diretor da EMEB José Luis Borges Garcia, unidade localizada na Regional Norte, e que atende 250 alunos, Ângelo Valentin Lena disse que essa é uma temática ja discutida na escola e importante i para a formação dos alunos. “Com esse processo de reflexão, iniciado a partir de pequenos gestos ligados ao nosso dia a dia, queremos por meio da educação escolar transformar nossos alunos em cidadãs éticos, reflexivos e comprometidos com a comunidade”, salientou.

O diretor de Gestão Educacional da SME, Luiz Batista slaientou que só se muda a história de um pais através da educação. “Nosso profissionais da Educação estão atentos para os temas transversais elencados nas grades curriculares. A partir do momento que existe uma interferência dos nossos profissionais na formação de nossas crianças estamos construindo um pais novo. Essa iniciativa vem ao encontro dos objetivos e dos princípios de uma formação dentro de uma escola onde a gente possa ter como ferramenta a transformação de crianças e jovens realmente cidadãos que saibam o que é certo, correto e honesto”.

Além da EMEB José Luis Borges Garcia, participam do projeto as Escolas Municipais Dejani Ribeiro de Campos, Senador Darcy Ribeiro, Profª Elza Luíza Esteves e Profº Ranupho Paes de Barros.

Cada escola irá escolher um grupo de seis alunos e um professor orientador para participar de três tarefas/provas que terão como tema o combate à corrupção. Ao final, serão premiados com tabletes os alunos participantes e o professor orientador, além da escola que receberá R$ 1 mil reais.

Também serão premiadas com medalhas as escolas classificadas em até a terceira colocação e, atribuição de reconhecimento as demais equipes participantes (placas de participação).

Nesta terça-feira (17), o projeto foi apresentado na EMEB Ranupho Paes de Barros.

Agenda

Projeto “Onde há educação, a corrupção não tem vez”

Data: 17 de outubro

Horário: 13:30 horas

Local: EMEB Dejani Ribeiro Campos

Endereço: Rua 07, Quadra 13, s/nº, Jardim Vitória

Data: 18 de outubro

Horário: 13h30 horas

Local: EMEB Senador Darcy Ribeiro

Endereço: Rua 18, Quadra 17, s/nº, Jardim Industriário I

 

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114