» mais
Comentar           Imprimir
Cuiabá&VG
Quinta, 07 de junho de 2018, 17h36

Pedra 90 terá nova base comunitária e unidade da Rede Cidadã


O bairro Pedra 90, em Cuiabá, será contemplado com uma nova base comunitária de segurança pública e uma unidade do projeto Rede Cidadã. A construção das estruturas ocorrerá em área cedida pela Prefeitura de Cuiabá, cujo documento foi assinado na noite desta quarta-feira (06.06). O espaço cedido possui 13.911,18 m² e está localizado na Avenida Integração I, no mesmo quarteirão que contempla unidades da Secretaria Municipal de Saúde, escolas e Centro de Referência em Assistência Social (CRAS).

Agora a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) vai trabalhar na elaboração dos projetos arquitetônicos para, em seguida, fazer a análise e buscar recursos financeiros para a construção. Segundo o comandante-geral da Polícia Militar (PM-MT), coronel PM Marcos Vieira da Cunha, a atual estrutura da base comunitária implantada no bairro não comporta mais a demanda da sociedade.

“Hoje o 24º Batalhão da PM tem uma sede também no Pedra 90, e parabenizo a atuação dos policiais, que têm buscado a redução da criminalidade, e acredito que esse projeto vai facilitar o trabalho da Polícia Militar, e futuramente pode ser possível até a instalação de um novo batalhão, porque a região precisa”. Ele destacou ainda a filosofia da polícia comunitária, por estar mais próxima da sociedade. “Atuando junto com a Rede Cidadã e o Conselho de Segurança Pública, a segurança continuará apresentando bons resultados”.

De acordo com a coordenadora de Ações Preventivas da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) e coordenadora interina do projeto Rede Cidadã, coronel Zózima Dias dos Santos, a expectativa é melhorar o atendimento aos quase 100 mil habitantes do bairro Pedra 90. “A melhor qualidade das condições de trabalho aos policiais vai refletir no atendimento prestado ao cidadão, e com uma unidade da Rede Cidadã o trabalho preventivo será intensificado, o que é muito importante para a redução da criminalidade”.

A doação

O pedido de cessão do terreno foi formalizado pela Sesp à Prefeitura de Cuiabá em 2015. Após algumas adequações necessárias, que incluíram delimitações das áreas e regularização de documentações, a Câmara Municipal autorizou a doação, há cerca de dois meses. A partir de agora, a Secretaria tem prazo de cinco anos para construir as unidades.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114