Artigos

Infeliz o povo que depende de uma eleição
Amadeu Roberto Garrido de Paula
Nossa democracia tem solução - e não é intervenção
Fellipe Corrêa
Restaurar o futuro
Coriolano Xavier
Saúde e fake news
Luiz Evaristo Ricci Volpato
As Redes Sociais podem acabar?
João Alves Daltro
» mais
Comentar           Imprimir
Cidade
Sexta, 08 de junho de 2018, 16h47

Bairro Integrado leva segurança e ações preventivas ao Pedra 90


Lenine Martins
.

Atividades de salvamento, cavalaria, perícia e primeiros-socorros chamaram a atenção dos estudantes da Escola Estadual Mário de Castro, no bairro Pedra 90, em Cuiabá, nesta sexta-feira (08.06). As demonstrações fazem parte do programa Bairro Integrado, desenvolvido pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), que visa aproximar o trabalho dos policiais da comunidade, por meio dos jovens.

A primeira edição do projeto contempla cerca de 1.800 jovens, distribuídos em 24 salas de aula, nos turnos matutino e vespertino. Aos 12 anos de idade, João Guilherme Sales, que cursa o 7º ano, já definiu que pretende ser arquiteto. Mas, depois de presenciar algumas atividades das corporações da segurança, ele admitiu que a curiosidade ficou aguçada. “É muito legal, tenho que dizer muito obrigado aos policiais e todos que estão aqui, dá até um pouco de vontade de ser policial”.

 

A estudante do 8º ano, Thays Kaipper dos Santos, aprovou a realização do projeto pela proximidade com as ações de segurança. “Eu achei legal, porque a gente se sente mais seguro e com mais confiança na polícia. Conheci mais de perto o trabalho e pude ver que é incrível”.

O programa também promove palestras e serviços de cidadania, como registros de Boletim de Ocorrência (BO), confecção de documentos pessoais (1ª e 2ª vias de RG e CPF, plastificação de documentos, foto 3x4, e 2º via de certidões de nascimento, casamento ou óbito), atendimento da Defensoria Pública, emissão do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) e taxas veiculares.

Tayla Pinho, de 18 anos, soube da oportunidade e levou a irmã para fazer a 2ª via da certidão de nascimento. “Vim aproveitar que tem esses serviços e também saber mais sobre a segurança e as atividades que estão fazendo, porque para nós é mais fácil quando há esse tipo de coisa no bairro, e a gente não precisa ir lá no centro”, avaliou.

 

O secretário de Estado de Segurança Pública, Gustavo Garcia, ressaltou que a iniciativa busca intensificar a rede de proteção aos jovens. “Queremos garantir a segurança tanto dos estudantes quanto dos professores, para que vejam a missão dos policiais. Todos nós temos o compromisso de salvar vidas, e isso passa também pela repressão ao crime, mas o mais importante é trabalhar a prevenção”.

O Governo do Estado investiu R$ 7,8 milhões na construção de uma nova sede para a Escola Estadual Mário de Castro, com previsão de funcionamento já no ano letivo de 2019, conforme lembrou o governador Pedro Taques. “Estamos trabalhando para entregar esta escola no final do ano e oferecer melhores condições de ensino para professores e alunos, pois acreditamos que só a educação é capaz de transformar a sociedade”.

Integração com a comunidade

A região do Pedra 90 abrange 42 bairros, o equivalente a 100 mil habitantes. O presidente do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) do Pedra 90 e região, Reinaldo Campos, frisou que a parceria com a sociedade é fundamental para melhorar a segurança. “Essa integração do Estado é necessária, principalmente na região escolar, onde temos muitos casos de bullying, de violência contra alunos e profissionais da educação, por isso intervimos junto com a Secretaria de Segurança, buscando melhorar esse ambiente e o entorno do bairro”.

Os projetos sociais realizados pela Segurança Pública também são levados ao conhecimento dos estudantes. A coordenadora de ações preventivas da Sesp-MT, coronel PM Zózima Dias dos Santos, ressaltou a importância do viés preventivo do Bairro Integrado. “É por meio da ação conjunta com a sociedade que queremos provocar a reflexão dos jovens sobre o futuro que buscamos e garantir a segurança deles e de todos os cidadãos”.

 

O programa conta com a participação da Polícia Militar (PM-MT), Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT), Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas-MT), Defensoria Pública, Secretaria Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh-MT), Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), Assembleia Legislativa (ALMT) e Conselho Comunitário de Segurança Pública (Conseg).


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114