» mais
Comentar           Imprimir
Cidade
Terça, 09 de outubro de 2018, 17h36

Transparência e celeridade: capacitação alcança setores administrativos e Gestão já colhe frutos


O ciclo de capacitação voltado às compras públicas, promovido pela Secretaria de Gestão, foi encerrado nesta terça-feira (9) com o curso de fiscalização de contratos prevista pela normativa 05/2017, do Ministério do Planejamento. Desde agosto cerca de 240 servidores passaram por uma série de palestras ministradas por profissionais renomados nacionalmente. Setores administrativos de todas as pastas saem agora fortalecidos, com maior segurança e transparência na execução das licitações.

De acordo com a advogada especialista em Direito Administrativo, Gabriela Pércio, embora a lei não se aplique obrigatoriamente aos municípios e estados, há diversas referências em boas práticas que podem ser seguidas pelas prefeituras. “Quando se adota esses parâmetros, com comprovação de efetividade, fica mais fácil para quem atua na área, porque já se sabe quem deve fazer e como os processos devem ser feitos”, diz.

Os reflexos, segundo ela, podem ser observados principalmente a partir de ações como a divisão entre fiscal técnico e administrativo, que evita a sobrecarga de trabalho; a elaboração de relatórios finais de execução, que auxiliam contratações futuras; e elaboração de um plano de fiscalização, para coordenação dessas ações. “Isso facilita obtenção de resultados no contrato e também o controle da sociedade sobre a administração pública, porque torna o processo mais transparente.”

O aperfeiçoamento, oferecido gratuitamente, foi fruto de recursos do Fundo de Desenvolvimento do Sistema de Pessoal, destinado à capacitação. A secretária de Gestão, Ozenira Félix, reforça que os cursos devem reduzir custos e trazer eficiência econômica nas contratações. A expectativa da administração é que as melhorias sejam observadas de imediato. “Optamos por investir na área do meio, porque enquanto ela não acelera com os processos de pagamentos, compras e pessoal, a ponta sofre.”

Seguindo a proposta de gestão do prefeito Emanuel Pinheiro, a Secretaria de Gestão também vem investindo em sistemas, para que sejam elaborados históricos de entrada e saída. A somatória destes esforços, segundo Ozenira, resultará em impactos positivos, que poderão ser observados tanto na rotina das secretarias quanto no serviço prestado aos cidadãos.

Resultados

Ozenira conta que o ciclo já tem rendido bons frutos à administração. Isso porque muitas aptidões vêm sendo descobertas entre os funcionários. “Às vezes fica cada um em sua secretaria e a gente não sabe do potencial que está ao nosso alcance. Temos profissionais com muito conhecimento e isso tem que ser aproveitado nas nossas rotinas.”

Diante disso, uma das iniciativas a entrar em prática é a criação de “banco de talentos”, que facilitará o compartilhamento de informações entre todas as áreas. “Esses funcionários podem, de repente, ajudar a capacitar os outros e foi a partir desses ciclos que nós despertamos para essa possiblidade”, diz.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

O futuro político de Pedro Taques será:

Candidato a prefeito de Cuiabá em 2020
Voltar a operar na área de Direito
Não me interessa, problema dele.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114