Cuiabá | MT 17/10/2021
Economia
Terça, 05 de outubro de 2021, 08h06

Redução de impostos do governo estadual estimula a recuperação econômica, diz Facmat


.

Pacote de redução de impostos do governo estadual estimula a recuperação econômica, diz Facmat

O pacote de redução de impostos sobre a energia elétrica, gasolina, diesel, comunicação e gás industrial e comercial, anunciado nesta terça-feira (28.09) pelo governador Mauro Mendes, é boa atitude para estimular a recuperação econômica das empresas e a geração de empregos, avalia a Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Mato Grosso (Facmat).

A entidade destaca que há muito tempo defende a redução da carga tributária estadual, que veio em boa hora, para auxiliar os empresários e a população mato-grossense na retomada dos negócios e no fomento à economia local pós-pandemia. As reduções entram em vigor a partir de janeiro de 2022.

"É uma medida importante para toda a população", destacou o presidente da Facmat, Jonas Alves. Para ele, no momento em que o governo diminui a incidência de impostos no bolso do cidadão, está, por outro lado, aumentando a competitividade das empresas e reduzindo o custo de vida do trabalhador, sem falar na geração de empregos e renda.

"Esperamos que essa redução chegue na ponta e que todos possam sentir na hora de saldar os seus débitos", completou o líder empresarial, ao dizer da importância de acontecer outros momentos como este que incentivam e animam o setor a fazer novos investimentos.

O pacote reduz o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) da energia elétrica (de 25% e 27% para 17% a todos os setores), dos serviços de comunicação, como internet e telefonia (de 25% e 30% para 17%), da gasolina (de 25% para 23%), do diesel (de 17% para 16%), do gás industrial (de 17% para 12%) e do uso do sistema de distribuição da energia solar (de 25% para 17%).O próximo passo é o pacote passar pela aprovação da Assembleia Legislativa.




Busca



Enquete

Quem é o mais culpado pela não conclusão do VLT em Cuiabá?

Mauro Mendes quando prefeito de Cuiabá 2013/2017?
Emanuel Pinheiro quando deputado estadual 2010/2014?
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114