Artigos

Infeliz o povo que depende de uma eleição
Amadeu Roberto Garrido de Paula
Nossa democracia tem solução - e não é intervenção
Fellipe Corrêa
Restaurar o futuro
Coriolano Xavier
Saúde e fake news
Luiz Evaristo Ricci Volpato
As Redes Sociais podem acabar?
João Alves Daltro
» mais
Comentar           Imprimir
Pesquisa/Tecnologia
Segunda, 16 de dezembro de 2013, 13h43

Projeto de pesquisa coordenado por professor da Unemat é aprovado pelo CNPq


Foi aprovada a proposta do projeto: Seminário Itinerante do Núcleo de Formação, Pesquisa e Extensão em Agroecologia, denominado Si-Nater, submetido ao edital 81/2013 do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), que receberá o investimento de R$ 141 mil. O Si-Nater é caracterizado como extensão em interface com a pesquisa. A equipe é formada por 17 integrantes das áreas de química, pedagogia, agronomia, ciências agrícolas, zootecnia, biologia, engenharia de segurança no trabalho rural, engenharia de produção e medicina veterinária coordenados pelo químico e professor Samuel Silva da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), campus de Pontes e Lacerda.

Entre os objetivos do projeto está contribuir para o desenvolvimento sustentável possibilitando à população a melhoria da qualidade de vida por meio da oferta e consumo de alimentos saudáveis e de uso adequado dos recursos naturais. O Si-Nater realizará cursos nas modalidades presencial (30 vagas) e a distância (70 vagas) e seminários itinerantes para alunos do ensino médio, associações em assentamentos e comunidades rurais, e, departamentos acadêmicos (1.100 vagas).

A data prevista para o início dos cursos na modalidade presencial é junho de 2014, tanto a parte teórica quanto a prática serão ministradas nas dependências da Unemat e na sede da Associação Centro de Tecnologia Alternativa ambas em Pontes e Lacerda. A prioridade é atender a Empresa Mato-Grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) e na sequência as demais parceiras do projeto. A abrangência dos seminários itinerantes compreende os municípios de Cáceres; Porto Esperidião; Pontes e Lacerda; Vila Bela da Santíssima Trindade; Nossa Senhora do Livramento e Poconé.

Entre as exigências do Si-Nater para os candidatos que farão os cursos está a comprovação de experiência em agricultura familiar. Os cursos e seminário itinerante apresentam abordagem multi e interdisciplinar com ênfase nas características sócioeconômicas e ambientais locais. No seminário itinerante será trabalhada a Rede Temática Agroecologia, os objetivos e diretrizes desta chamada conforme adaptação e os eixos de ação da Secretaria de Agricultura Familiar: superação da pobreza rural; promoção da segurança e soberania alimentar; ecologização dos sistemas de produção; e, geração de renda e agregação de valor à produção.

Os profissionais da equipe do Si-Nater são vinculados às instituições Unemat/Pontes e Lacerda; Unemat/Tangará da Serra; Embrapa/Pantanal; Empaer; IFMT/Cáceres; CTA/Pontes e Lacerda; IZ/São Paulo; Senai-MT; PPZ/GESF/UEM; Prefeitura Municipal de Pontes e Lacerda; Empresa de Prestação de Serviços de Assistência Técnica em financiamento e Extensão Rural (Exitus); e Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra/MT). 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114