» mais
Comentar           Imprimir
Política MT
Quinta, 09 de novembro de 2017, 22h37

Comitiva pede celeridade em estudos sobre Parque Serra Ricardo Franco


Por Maurício Barbant
.

Liderada pelo prefeito de Vila Bela da Santíssima Trindade, André Bringsken, uma comitiva composta por lideranças da região esteve, nesta quinta-feira (9.11), na Assembleia Legislativa, para pedir celeridade nos estudos que estão sendo realizados sobre a área do parque Serra Ricardo Franco. Com uma área de 158.620 hectares, essa unidade de conservação foi criada pelo governo do estado, através do Decreto de n.º 1.796/97. A comitiva também pediu apoio para ajudar o hospital de Sociedade Beneficente Hospitalar que também enfrenta a escassez de recursos e os funcionários podem ficar sem receber o 13º salário.

De acordo com o prefeito, é preciso acelerar o processo de avaliação do parque. “Ninguém é contra a criação do parque, inclusive houve tentativa de incriminar os fazendeiros, mas esses são parceiros e o protegeram. Na verdade, o parque que invadiu área porque os fazendeiros já estavam lá, e não são só os grandes fazendeiros, são médios e pequenos fazendeiros. Tem também os assentados do Incra às margens dessa área, além do grande potencial turístico que o parque representa ao nosso município, por isso pedimos celeridade”, destacou Bringsken.

O prefeito ressaltou, ainda, a importância da área como fomento à economia. “Ali temos a maior cachoeira de Mato Grosso, com 150 metros de queda livre, sendo a terceira maior do Brasil. Temos cachoeira para esportes radicais como Rafting, Parapente ou Asa delta. Enfim, a solução do parque está aqui na Assembleia porque foi criado há 20 anos, mas nenhum proprietário foi indenizado. Então, precisamos desse estudo para definir o que é parque e o que é área produtiva. Hoje, 40% da produção de Vila Bela vêm dessa região onde a área já estava antropizada antes da criação do parque”, afirmou o prefeito, ao reafirmar que o município não pode perder essa área.

As lideranças esclareceram que é preciso buscar soluções que promovam condições para a exploração sustentável, por exemplo, do turismo, trazendo dividendos à população.

O presidente da Casa de Leis, deputado Eduardo Botelho (PSB), informou que essa questão é antiga e que a comissão especial da ALMT concentra esforços para solucionar o problema. “Temos a comissão especial e também estamos contratando uma assessoria para ajudar a fazer esse estudo. Hoje, recebemos as lideranças de Vila Bela, e eles nos pediram para dar mais celeridade a esse trabalho. E nos pediram para ajudar a área da Saúde, que é grave, e o hospital que atende toda a região e está sem condições de pagar o 13º dos funcionários. Estamos juntos com os deputados Wancley Carvalho, Adriano Silva e Dr. Leonardo para consolidar os pedidos”, afirmou o presidente.

Também participaram a diretora do Hospital de Sociedade Beneficente e vereadores da região.
 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114