» mais
Comentar           Imprimir
Política MT
Sexta, 06 de julho de 2018, 13h07

Governo do Estado conclui e entrega Plano Diretor da Região do Vale do Rio Cuiabá


Christiano Antonucci
.

O Governo de Mato Grosso, por meio da Agência de Desenvolvimento Metropolitano da Região do Vale do Rio Cuiabá (Agem), lançou nesta quinta-feira (05.07), no Palácio Paiaguás, o Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado - Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá.

O plano apresenta demandas relacionadas ao Desenvolvimento Econômico Social e Políticas Setoriais (educação, habitação, saúde, turismo, segurança, lazer e esporte), Planejamento do uso e ocupação do solo - Mobilidade e Acessibilidade, Preservação e Conservação de Meio Ambiente e Saneamento Ambiental, nos municípios de Nossa Senhora do Livramento, Acorizal, Várzea Grande, Cuiabá, Santo Antônio de Leverger e Chapada dos Guimarães.

“Sem enxergar a realidade de cada município não seria possível apontar as soluções. Foram dois anos fazendo a leitura da região metropolitana, realizando audiências, finalizando o diagnóstico, o prognóstico, mas podemos afirmar que fizemos um trabalho muito positivo”, afirmou a presidente da Agência de Desenvolvimento Metropolitano da Região do Vale do Rio Cuiabá (Agem), Tânia Matos.

O prefeito de Acorizal, Clodoaldo da Silva, ressaltou que o saneamento básico é um dos principais desafios a serem vencidos no município. Atualmente a cidade possui cerca de 8 mil habitantes.

“Em Acorizal, além do estudo feito pelo Governo também estamos estudando projetos que possam contribuir para melhorar o saneamento, porque no nosso município temos poucos recursos”.

 

O Instituto Brasileiro de Administração Municipal (Ibam) coordenou a elaboração do plano que foi enviado recentemente à Assembleia Legislativa, junto com um projeto de lei.

“Tem muita coisa nova, mas também, tem muitas ideias e iniciativas que já estavam em curso, e que procuramos estruturá-las, inclusive, em temas como a mobilidade urbana, considerada um item forte dentro do plano diretor. A grande vantagem deste produto final é mostrar um caminho”, destacou Alberto Lopes, assessor técnico de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente do Ibam.

Durante a elaboração do projeto participaram das audiências públicas representantes do Poder Público Municipal e Estadual, Movimentos Sociais e Sociedade Civil Organizada. O material impresso será entregue também em todos os municípios do Vale do Rio Cuiabá.

“Estamos acompanhando esse processo desde o início para que a gente possa organizar a região metropolitana para os próximos anos e melhorar a vida da população”, disse o promotor de Urbanismo de Cuiabá, Carlos Eduardo Silva.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A onda 'não eleja parentes' pode afetar Emanuelzinho Pinheiro?

Afeta pois o pai prefeito Emanuel foi flagrado no caso do paletó furado.
Não afeta e segue separado dos problemas do pai
Tanto faz, o povo não não leva a sério o voto.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114