» mais
Comentar           Imprimir
Política MT
Quinta, 11 de outubro de 2018, 14h24

General Carneiro despenca no ranking da Educação e obtém pontuação de 1,6


.

Na Educação, o Município de General Carneiro apresentou desempenho superior à média Brasil em apenas 1 dos 6 indicadores avaliados, obtendo pontuação 1,6, muito abaixo da média estadual, que é 6,5. Ao comparar os resultados das médias divulgadas em 2017 com as de 2016, em relação ao próprio desempenho, o Município apresentou na Educação um forte decréscimo, passando de 8,8 para 1,6.

Os números preocuparam o conselheiro interino Moises Maciel, relator das contas anuais de governo de General Carneiro, referentes a 2017 (Processo nº 45888/2017). Na sessão do Pleno do Tribunal de Contas de Mato Grosso desta terça-feira (09/10), o conselheiro votou pela emissão de parecer prévio favorável à aprovação das contas de General Carneiro, com recomendações.

Ele recomendou ao atual prefeito, Marcelo de Aquino, que elabore um Planejamento Estratégico, com a definição de metas, estratégias, projetos e ações que visem aperfeiçoar e melhorar os resultados dos indicadores avaliados, especialmente aqueles com piores médias, de modo a possibilitar a implementação de medidas continuadas de redução das distorções apresentadas.

Apesar do mau resultado, o gestor cumpriu os repasses constitucionais ao setor. Aplicou na manutenção e desenvolvimento do ensino o equivalente a 32,62% da receita proveniente de impostos municipais e transferências estadual e federal, acima dos 25% previstos no art. 212 da Constituição da República. Na remuneração dos profissionais do Magistério, aplicou o correspondente a 61,49% dos recursos recebidos por conta do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação – Fundeb –, índice superior aos 60% estabelecidos em lei.

Já na Saúde, superou a média Brasil em 5 dos 10 indicadores analisados, atingindo assim pontuação 5, igual a média estadual de 5.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Sobre taxação do agronegócio em MT, o que você sugere?

Não deve ser taxado e fica como está.
Muda o discurso e industrialize
Apenas fogo de palha. Logo se acertam.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114