» mais
Comentar           Imprimir
Política MT
Terça, 26 de março de 2019, 08h41

Assembleia Legislativa faz 1º simpósio sobre autismo em Mato Grosso


 A Assembleia Legislativa realizará, no dia 2 de abril, o 1º Simpósio de Políticas Públicas: Inclusão Efetiva dos Autistas em Mato Grosso, a pedido do deputado estadual Wilson Santos, no Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros, nesta Casa de Leis, das 8h às 18h.

.

Desde 2008, o dia 2 de abril é uma data decretada pela Organização das Nações Unidas (ONU) como Dia Mundial de Conscientização do Autismo. A cor azul é usada pela incidência maior em meninos, já que, segundo levantamento feito nos Estados Unidos, para cada quatro meninos, existe uma menina com a síndrome.

De acordo com coordenadora da Ação Azul em Mato Grosso, Juliana Maria Silva Fortes, no Brasil ainda não existe um levantamento com dados estatístico sobre o autismo.

“Enquanto a gente não tem esses dados, nós não conseguimos passar essas informações ao poder público e, com isso, avançar em políticas públicas. Essa falta de informação oficial soa como descaso”, disse a coordenadora.

O transtorno do espectro autista (TEA) ainda continua uma incógnita para a ciência. “Pesquisas mostram que até o ano de 2025, a cada 45 pessoas nascidas, uma nascerá com autismo, e isso é muito preocupante”, alertou Fortes.

Diante dessa situação, a ONG Ação Azul, com apoio do Grupo Nobre Austista, Movimento Orgulho Autista e a Liga Acadêmica do Transtorno do Espectro Autista, solicitou ao deputado Wilson Santos um debate sobre o assunto na Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

“Por ele ser professor e sensível à causa, nós recorremos ao deputado Wilson Santos para ajudar a construir um evento que pudesse chamar a atenção do poder público e da sociedade. Este simpósio visa buscar alertar os pais e nossos governantes em dar mais atenção em acolher famílias tão carentes e profissionais por falta de informação e conhecimento do tema”, ressaltou a coordenadora.

Em 2012, a Lei 12.764, conhecida por Berenice Piana, passa reconhecer o autismo como uma deficiência, estendendo aos autistas, para efeitos legais, todos os direitos previstos para pessoas com algum tipo de deficiência.

Para Wilson Santos, a repercussão do evento já chegou a outros estados. “Esse evento já chegou a Rondônia, Acre, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Espírito Santo, São Paulo, Santa Catarina, pessoas que virão a Cuiabá, porque teremos palestrantes de nível internacional. Nós estamos prevendo mais de mil pessoas no dia 2 de abril, das 8h às 18h”, diz o parlamentar.

Segundo o deputado, o autismo deve ser tratado com muita sensibilidade e responsabilidade. “Nós temos crianças com 7, 8 anos que não conseguem comer, alimentar sozinhas. Temos crianças que vão ao vaso sanitário, defecam e passam no rosto, no cabelo, todos os dias. Imagine a vida da mãe de uma criança dessas, do pai. Muitas delas são amarradas em casa, no pé da cama. Algumas crianças são tratadas como animais, muitas vezes piores que animais. E esta Casa não pode se furtar a este debate”, comentou Wilson Santos.

PALESTRANTES

O evento contará com a presença de quatro palestrantes de renome internacional.

Marta Relvas – Neurocientista - A professora é bióloga, doutora e mestre em psicanálise, neuroanatomista, neurofisiologista, psicopedagoga e especialista em bióetica.

Adilson de Souza - Psicólogo clínico, natural de São Paulo, viajou por diversos países da África realizando trabalhos voluntários. No Brasil adquiriu uma vasta experiência no atendimento ao autista. Tem se destacado pelo o seu olhar apreciativo por quem cuida, fazendo um trabalho diferenciado com atendimento psicoterápico especializado para as mães de autistas.

Lucelmo Lacerda - Doutor em educação, pós-doutorando em educação especial pela UFSCar, pesquisador em autismo e inclusão e autor do livro Transtorno do Espectro Autista: uma brevíssima introdução.

Elvis Lira da Silva – Pós-doutorado no Instituto Internacional de Neurociência de Natal Edmond e Lily Safra (IINN-ELS). Doutorado e mestrado em física pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Graduação - licenciatura plena - em física pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Professor adjunto da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), tendo experiência na área de física, com ênfase em neurofísica.

INSCRIÇÃO

Para participar do simpósio, a pessoa interessada deve trazer um quilo de alimento ou um pacote de fraldas e fazer a sua inscrição no link abaixo e garantir o certificado de carga horária de 8 horas: https://www.al.mt.gov.br/institucional/evento/


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114