» mais
Comentar           Imprimir
Política MT
Quinta, 18 de abril de 2019, 23h51

IV Conferência dos Direitos da Pessoa Idosa discute envelhecimento no século XXI


.

O prefeito Emanuel Pinheiro e a primeira-dama Márcia Pinheiro participaram da IV Conferência dos Direitos da Pessoa Idosa, realizada pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano (SMASDH) e o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa (COMDIPI), tendo como tema principal “Os desafios de envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas”.

O evento foi realizado entre os dias 17 e 18, no auditório do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), no bairro Porto, em Cuiabá.

O prefeito Emanuel Pinheiro disse que tem como uma das metas frente ao Poder Executivo, de humanizar a gestão pública da Capital em todas as áreas. Gradativamente, estamos avançando em defesa dos direitos da pessoa idosa. Em 2017, comentou o prefeito, o desafio apontado e transformado em proposta foi em relação à importância da transversalidade entre os setores e já vem sendo executada nos Centros de Convivência dos Idosos (CCI’s). “E é isso que queremos que aconteça, novos apontamentos sejam apresentados para que possamos elaborar políticas públicas efetivas que atuem na ponta. Tenho plena convicção que excelentes propostas serão encaminhadas”, disse Pinheiro.

O secretário municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, Wilton Coelho disse que a necessidade dos idosos vai além da causa social. Por isso, é que o trabalho vem sendo pautado na integração das secretarias, atendendo uma determinação do prefeito e da primeira-dama, que é de oferecer num único local, diferentes áreas, a exemplo da saúde e educação. “A Secretaria tem trabalhado com o objetivo de facilitar a vida do idoso. Fazendo isso, estamos fornecendo um tratamento humanizado, qualidade e excelência, nas quatro unidades dos Centros de Convivência dos Idosos (CCI’s), sendo eles, o ponto de referência da administração municipal para o público da terceira idade”, comentou.

Durante dois dias, idosos e representantes de entidades representativas tiveram a oportunidade de apresentar as principais demandas e de forma coletiva, elaborar as propostas que serão apresentadas nas etapas estadual e nacional. Os debates foram orientados por quatro eixos: Direitos Fundamentais na construção/efetivação das políticas públicas; Educação: Assegurando Direitos e Emancipação Humana; Enfrentamento à Violação dos Direitos Humanos da Pessoa Idosa e os Conselhos de Direitos: Seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação de políticas públicas. “Entre os dias 21 e 28 de março, também foram realizadas mini-conferências para tratar do assunto e organizar os interesses comuns a fim de facilitar o processo de desenvolvimento do relatório técnico que ainda será colocado para apreciação e votação final”, disse o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa (COMDIPI), Jerônimo Urei.

“Tenho como ideal, chegar ao final da gestão e poder olhar para trás e ver que Cuiabá se tornou referência da Melhor Idade, sendo a Capital o melhor lugar para envelhecer. É isso que chamo de gestão humanizada, que gosta de gente, olho no olho com a população com muito carinho e respeito, e isso começa com as pessoas da terceira idade, homens e mulheres que já fizeram muito e agora chegou agora do reconhecimento”, finalizou Pinheiro.

Tais propostas serão enviadas as instâncias estadual e nacional. A 5ª Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa (CNDI) deve ser realizada até 15 de novembro de 2019. 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114