» mais
Comentar           Imprimir
Polícia
Sexta, 29 de junho de 2018, 16h57

Segunda fase de operação cumpre mandados contra autores de roubo em VG


.

A segunda fase da operação “Decretados”, deflagrada durante esta semana (25-29.06), pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG) com apoio da Gerência Estadual de Polinter, finalizou com o saldo de 16 mandados de prisão cumpridos contra envolvidos em crimes de roubos e furtos ocorridos no município, sendo um dos presos autuados em flagrante por tráfico de drogas. A operação que visa prevenir e reprimir a prática de crimes contra o patrimônio em Várzea Grande resultou na apreensão de porções de entorpecentes e de objetos de origem ilícita.

Os trabalhos levaram à prisão dos suspeitos, André da Silva Geraldo, Brunos da Silva Gomes, o “Branquinho”; Italo Helbert Correa Denis de Souza; Ademir Lopes; Ivo Amorim Carvalho, o “Bipo”; Louyse Paiva Batista; Jefferson Ferreira Leite; Marcos Antonio da Silva Soares, conhecido como “Totó” (2 mandados); Edivaldo Pereira de Lima, o “Divaldinho”; Jhonatan Barcelos da Silveira, o “Leo Machado”; Luiz Carlos Nunes da Silva, conhecido como “Titico” e Cleiton Jorge da Silva, o “Pequeno” (2 mandados).

Entre os presos, Marco Antonio da Silva Soares e Cleiton Jorge da Silva, são apontados como autores de, pelo menos, três roubos ocorridos no município. Em um dos casos, ocorrido no dia 04 de maio, no bairro Parque Del Rei, a vítima foi um policial militar que teve sua arma, entre outros pertences subtraídos. A dupla também teve a autoria identificada em um roubo ocorrido no dia 19 de nairo, no bairro Nova Várzea Grande e em outro no dia 19 abril no centro da cidade.

De acordo com a delegada, Elaine Fernandes da Silva, Marco Antonio, é considerado de altíssima periculosidade e mesmo possuindo três mandados de prisões preventivas em aberto foi colocado em liberdade no último dia 27 de junho. “Felizmente, através da operação, a Derf-VG conseguiu capturá-lo novamente na manhã desta sexta (29), impedindo que a violência se perpetuasse”, disse a delegada.

Os suspeitos, Leonardo Cosmos Alves da Silva e Bruno da Silva Gomes, tiveram as ordens de prisão decretadas pelos crimes de roubo e associação criminosa, ocorrido no dia 1º de janeiro, quando junto a mais dois comparsas renderam o vigilante do canteiro de obras do VLT, no bairro 23 de setembro, em Várzea Grande. Na ocasião, os criminosos subtraíram diversos pertences dos vigilantes e bobinas e fios de cobre do consórcio VLT.

Além do mandado de prisão, Leonardo também foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, receptação e interceptação de comunicações telemáticas. Na casa do suspeito foram apreendidas 166 porções de pasta base de cocaína, apetrechos para fabricação e embalo da droga, objetos furtados e um rádio HT sintonizado na frequencia da Polícia Militar.

Outro preso na operação foi Jhonatan Barcelos da Silveira, identificado como autor de um roubo praticado no dia 13 de fevereiro no Avenida Mario Andreazza. Na ocasião, ele e mais três comparsas “fecharam” o veículo da vítima e apontado uma espingarda calibre 12, subtraíram diversos pertences.

Também com mandado de prisão decretado por roubo, Jefferson Ferreira Leite, foi reconhecido pela atuação no roubo a residência, no bairro Jardim Imperial. No assalto, o suspeito e mais quatro comparsas invadiram a casa e mediante emprego de arma de fogo subtraíram, joias, relógios, celulares, causando um prejuízo de R$ 60 mil à vítima.

Segundo, Elaine Fernandes, a operação visa a repressão a crimes patrimoniais em Várzea Grande e os mandados de prisão foram decretados com base em inquéritos policiais instaurados pela Derf-VG.

“A operação é resultado do comprometimento dos investigadores, escrivães e delegados da unidade, que atuam diuturnamente na identificação e contenção das ações de meliantes contumazes na prática de crimes contra o patrimônio”, destacou a delegada.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A onda 'não eleja parentes' pode afetar Emanuelzinho Pinheiro?

Afeta pois o pai prefeito Emanuel foi flagrado no caso do paletó furado.
Não afeta e segue separado dos problemas do pai
Tanto faz, o povo não não leva a sério o voto.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114