Artigos

Infeliz o povo que depende de uma eleição
Amadeu Roberto Garrido de Paula
Nossa democracia tem solução - e não é intervenção
Fellipe Corrêa
Restaurar o futuro
Coriolano Xavier
Saúde e fake news
Luiz Evaristo Ricci Volpato
As Redes Sociais podem acabar?
João Alves Daltro
» mais
Comentar           Imprimir
Polícia
Sexta, 13 de maio de 2011, 18h23
Cadeia Neles !

Prisão de Márcio Pin e Otávio Alves é desvio de conduta pessoal e criminosa, afirma Sindjor


O Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso (Sindjor-MT), emitiu nota no final da tarde de hoje onde repudia veementemente a prática de extorção praticada por Márcio Pin e Otávio Alves, responsáveis pelos jornais Tribuna do Estao e Vida Mídia, que foram presos hoje à tarde em Brasnorte. Os dois não são jornalistas e armaram uma situação para extorquir o prefeito Mauro Rui Heisler daquele município. 

"Ressaltamos que o Sindjor irá buscar informações sobre o caso e tomará as providências possíveis. Esclarecemos também que os acusados de extorsão não são sindicalizados, e até onde sabemos, nem diplomados em jornalismo" - frisa a nota.

Reforçamos que esse desvio de conduta pessoal não é da prática jornalística e se configura como um crime, com penalidades previstas em lei. Sabemos que não é um curso superior que garante a conduta ética de um profissional. Mas, acreditamos que a não regulamentação da profissão, com a queda da obrigatoriedade do diploma conforme decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) e da Lei da Imprensa, facilita desvios como esse.

O Sindjor-MT defende a criação de Conselhos Nacional e Regionais de Jornalismo como espaços adequados de discussão da prática jornalística e como norteadores da fiscalização da conduta profissional. Vamos debater o assunto com a sociedade e com autoridades do governo e do legislativo. A criação dos conselhos está prevista nas resoluções das Conferências Estadual e Nacional de Comunicação realizadas em 2010. É dessa forma que construiremos a profissão digna que garanta uma comunicação a favor efetivamente do interesse público.

Matéria relacionada

Márcio Pin e Otávio Alves são presos sob acusação de extorsão a prefeito


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114