» mais
Comentar           Imprimir
Mundo
Sexta, 17 de agosto de 2018, 11h36

SIP e RSF denunciam grave retrocesso nas liberdades de imprensa e de expressão na Nicarágua


Após realizar uma missão na Nicarágua nesta semana, a Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) e a Repórteres Sem Fronteiras (RSF) instaram nesta quinta-feira (16) o governo de Daniel Ortega a dar uma basta à violência, investigar e punir agressões a jornalistas, além de respeitar o cumprimento das medidas cautelares outorgadas pela Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) a comunicadores e seus familiares.

As duas organizações consideraram que a liberdade de imprensa está ameaçada por autoridades e agências policiais nicaraguenses. A responsabilidade política, jurídica e histórica dessa regressão nas liberdades do país, afirmaram as duas entidades, é do governo de Ortega e de sua esposa, vice-presidente Rosario Murillo.

Entre os dias 13 e 15 de agosto, os integrantes da missão participaram de mais de 30 encontros. A delegação conjunta reuniu-se com representantes de meios comunicação e jornalistas independentes, bem como associações estudantis, campesinas e empresariais que formam parte da Aliança Cívica pela Justiça e a Democracia. Os integrantes da missão também conversaram com o ex-presidente Enrique Bolaños, com membros da Igreja Católica e com diplomatas.

ANJ


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A onda 'não eleja parentes' pode afetar Emanuelzinho Pinheiro?

Afeta pois o pai prefeito Emanuel foi flagrado no caso do paletó furado.
Não afeta e segue separado dos problemas do pai
Tanto faz, o povo não não leva a sério o voto.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114