» mais
Comentar           Imprimir
Mundo
Sábado, 03 de setembro de 2011, 11h13

Definido juiz do processo contra jornalista norte-americano que desrespeitou brasileiros


Foi designado neste final de julho o juiz responsável pelo processo cível contra o jornalista norte-americano Joe Sharkey, que era passageiro do Legacy, avião que colidiu com o Boeing da Gol em 2006. O magistrado é Sérgio Luiz Patitucci, de Curitiba (PR). Sharkey desrespeitou os brasileiros em seu blog, com textos que escreveu após a tragédia.

A justiça brasileira pediu esclarecimentos ao blogueiro norte-americano Joe Sharkey por declarações que ele fez em seu blog http://sharkeyonbrazil.blogspot.com/ , no qual fez críticas fortes e duras à população brasileira, dizendo que os jornalistas brasileiros são bobos e defendendo que o Brasil foi culpado pela colisão do jato com o avião da companhia brasileira em 2006. Ele também escreveu matérias inverídicas no jornal The New York Times sobre o acidente e permitiu comentários agressivos em seu blog.

Existem dois processos em trâmite contra o blogueiro desde 2008. O primeiro deles é criminal e já determinou várias vezes que Sharkey se explicasse. Porém, ele não se pronunciou e não apresentou nenhuma resposta. O segundo é um processo cível, para o qual foi designado o juiz Patitucci, e movido por uma das familiares das vítimas do acidente, Rosane Gutjahr. A ação pretende manifestar a indignação com relação às ofensas que sofreu, por ser cidadã brasileira e viúva de uma das vítimas.

Além dos processos, existem três pedidos de tomada de providência apresentados à Polícia Federal, Congresso Nacional e Presidência da República, que ainda não foram respondidos. A Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) manifestou, recentemente, apoio em prol do processo contra Sharkey.

O que Sharkey escreveu

O blogueiro norte-americano diz que a imprensa brasileira "diz amém a tudo”, além de comparar a Polícia Federal do Brasil com o filme “Keystone Cops”, ilustrando o artigo com uma imagem do longa metragem do cinema mudo, no qual os policiais eram trapalhões e divertiam as crianças.

“O Brasil é um lugar onde as autoridades instáveis lutam para se eximir da culpa”, declarou Sharkey, utilizando a grosseira expressão “cover their butts”, além de chamar o nosso país de "terra maluca" (“crazy land”). O blogueiro também permitiu a postagem em seu blog de críticas severas ao povo brasileiro, feitas por leitores, com declarações fortes como “os brasileiros são mais idiotas que os idiotas”, chamando o presidente Lula de “Bin Lula e os 40 ladrões” e "mulheres prostitutas".


Perfil Associação de Familiares e Amigos das Vítimas do Voo 1907

A Associação foi fundada em 18 de novembro de 2006, na cidade de Brasília, no Distrito Federal, com o objetivo de reunir e organizar os familiares e amigos das vítimas do acidente aéreo voo 1907, da empresa Gol Linhas Aéreas Inteligentes S/A, para lutar pela defesa de todos os direitos e interesses dos que sofreram com a morte de entes queridos. Além disso, a Associação exige a apuração em todas as esferas administrativas e judiciais (cível e criminal) das causas que levaram à queda do avião, ocorrida no dia 29 de setembro de 2006, da mesma maneira que auxilia os familiares das vítimas a obter junto ao poder público e aos responsáveis pelo evento, todas as informações pertinentes sobre o sinistro, bem como obter o reconhecimento de seus direitos.

É possível manifestar apoio seguindo o microblog Twitter no endereço @190_milhoes e também no Facebook em http://milhoes.de.vitimas. Mais informações pelo site http://www.associacaovoo1907.com/?l=que e adesão ao abaixo-assinado pelo site www.190milhoesdevitimas.com.br.
 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114