» mais
Comentar           Imprimir
Esporte
Sábado, 02 de dezembro de 2017, 13h15

Treinador de goleiros fala das práticas para ensinar bem o futebol


.

O treinador de goleiros Sebastian Vieira, do clube uruguaio Nacional, foi um dos ministrantes do curso “Metodologia para ensinar bem o futebol”, organizado no último fim de semana (25 e 26 de novembro) pela Livia Esportes na fronteira, em Rivera. Mais de 60 alunos estiveram presentes, entre atletas, professores de educação física e representantes de escolinhas de futebol. De acordo com ele, um bom professor tem que ter vocação, gostar muito do que faz, manter-se motivado com as crianças e com um bom clima na turma. “Um clima ameno deixam as crianças cômodas e facilita para que elas tenham uma melhoria contínua, cada uma seu ritmo”, afirma.

Sebastian diz que todo o esporte é muito importante. O futebol, especialmente, integra muita gente. “Pode trabalhar com muitos jogadores e não necessita muitos materiais”, completa.

Nas aulas, o ideal é mesclar técnica e atividades lúdicas para perfeiçoar os jovens. “Para começar com eles, a parte lúdica é mais importante. Depois seguimos com trabalhos mais específicos para cada idade e situação”, explica.

O mais importante na visão de Sebastian é que com o futebol as crianças socializam entre si, trabalham a coordenação, a concentração e a atenção. Aprendem também os seus limites com os companheiros e vão tendo respeito com as regras. Mas o melhor é como a criança se socializa com outros companheiros e a quantidade de amigos que consegue fazer dentro do esporte.

“Desde que você pode caminhar, você pode praticar futebol. Muito lúdico até 10, 12 anos, com muito jogo. Depois o professor pode desenvolver algo mais específico para cada posto na quadra”, mostra.

Cursos de como ensinar bem o futebol, como este evento de qualificação organizado pela Livia Esportes são importantes porque desenvolvem ferramentas para que os professores possam usar e poder ensinar de melhor maneira a atividade esportiva, tornando os exercícios mais fáceis para as crianças e para o professor. “Quanto mais ferramentas tenham, melhor, mais desfrutável e melhor será a tarefa dentro da turma”, completa Sebastian.


 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A onda 'não eleja parentes' pode afetar Emanuelzinho Pinheiro?

Afeta pois o pai prefeito Emanuel foi flagrado no caso do paletó furado.
Não afeta e segue separado dos problemas do pai
Tanto faz, o povo não não leva a sério o voto.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114