» mais
Comentar           Imprimir
Saúde
Quinta, 04 de maio de 2017, 11h32

Pacientes elogiam atendimento no Hospital Metropolitano


O secretário-chefe da Casa Civil, Paulo Zamar Taques, se reuniu na tarde desta quarta-feira (03.05) com os integrantes do Grupo Nova Chance Para Vida para tratar sobre o atendimento a pessoas obesas no Hospital Metropolitano, em Várzea Grande.

O encontro foi realizado em seu gabinete no Palácio Paiaguás, em Cuiabá, a pedido do deputado estadual Leonardo Albuquerque. De acordo com o grupo, a unidade de saúde tem se tornado referência em Mato Grosso no que diz respeito a esta área.

“O Metropolitano realiza, em média, seis cirurgias bariátricas por semana, e ainda oferece todo atendimento pré e pós-cirúrgico, coisa que não se vê nem na rede particular. Este hospital tem excelência no atendimento, precisa apenas de alguns ajustes”, relatou Edenilson Pereira, que passou por uma cirurgia bariátrica no hospital há cinco dias.

O grupo, formado por mais de 800 pacientes, reivindica a disponibilidade de dois médicos especialistas e também um técnico para realização de exames de ultrasom. Trata-se de um cardiovascular geral e um cirurgião plástico.

“O hospital oferece atendimento por três anos, sendo um ano antes da cirurgia e dois anos após, mas não oferece atendimento quando se trata de cirurgia reparadora para remoção de excesso de pele”, relata Zenaide Lopes Silva, representante do Grupo.

Para o deputado Leonardo, esta é uma luta justa dos pacientes. “Hoje mais de 60% da população brasileira são obesos. Eu como médico abracei esta causa e trouxe ao conhecimento do Governo para que possamos avançar”, pontua.

O secretário garantiu que irá interceder pela causa junto à Secretaria de Saúde. Ainda nesta semana será realizada uma reunião com o secretário Luiz Soares, com a participação do deputado Leonardo, para verificar a viabilidade deste pleito.

“Já era do nosso conhecimento a excelência no atendimento do Hospital Metropolitano e vamos trabalhar para que isso melhore ainda mais. Vamos nos reunir com o secretário de Saúde ainda esta semana para verificar como vamos proceder neste caso”, enfatizou Paulo Taques. 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114