» mais
Comentar           Imprimir
Saúde
Segunda, 29 de janeiro de 2018, 14h47

Licitação de equipamentos do novo Pronto-Socorro será aberta nesta segunda-feira (29.01)


Foto: José Medeiros
.

Será aberta nesta segunda-feira (29.01) a primeira etapa da licitação para a compra de equipamentos para o novo Hospital Pronto Socorro de Cuiabá. O processo licitatório será dividido em três etapas com vários lotes em cada uma, no valor de R$ 48 milhões. O investimento total que o governo de Mato Grosso fará em equipamentos será de aproximadamente R$ 82 milhões. Nesta manhã, o governador Pedro Taques, juntamente com o prefeito Emanuel Pinheiro, visitou as obras do hospital, que está com 90% das obras concluídas e será entregue neste primeiro semestre.

Taques destacou que o hospital está localizado em Cuiabá, mas atenderá toda a população de Mato Grosso, afirmando que 45% dos atendimentos na capital e em Várzea Grande são de pessoas do interior. “Estamos buscando inaugurar esta obra o mais rápido possível. Existe muito a ser feito, queremos melhorar a saúde e esta obra é importantíssima para todo o povo mato-grossense. O governo de Mato Grosso se comprometeu a fazer o repasse para obra física e estamos rigorosamente em dia. Dos R$ 80 milhões, Cuiabá está contribuindo com R$30 milhões e o Estado com R$50 milhões”.

O governador reafirmou o compromisso com a saúde lembrando que há mais de 30 anos não era construído um hospital público na capital. “O governo estadual e o Município estão construindo esta obra de 315 leitos, o que mostra o nosso compromisso com Cuiabá, nosso compromisso com Mato Grosso. Dentro das possiblidades estamos ajudando também os hospitais filantrópicos, que tiveram todas as UTIS montadas pela União, que paga 1/3 para o custeio. O Estado é responsável pelos 2/3 restante e estamos seguindo a portaria do Ministério da Saúde, que determina que os depósitos sejam feitos ate 60 dias e estamos fazendo com 25, 30 dias”.

 

O prefeito Emanuel Pinheiro explicou que processo licitatório foi dividido em 3 fases, nos valores de R$ 18 milhões, R$ 15 milhões e R$ 15 milhões respectivamente. A expectativa é que dentro de um mês todas as etapas já estejam publicadas. “Esta primeira etapa será para compra de equipamentos, a segunda para instrumentais e a terceira para mobiliários e utensílios. Desta forma fechamos o processo licitatório que terá um valor de R$ 48 milhões. O novo hospital e Pronto Socorro de Cuiabá estará em pleno funcionamento no primeiro semestre deste ano”.

Também estiveram na visita ao Hospital Pronto Socorro de Cuiabá o secretário da Casa Civil, Max Russi e o presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho. A obra está atualmente com 280 funcionários e em fevereiro o número aumentará para 315 trabalhadores.

Estrutura

O novo Pronto-Socorro terá 21 mil metros quadrados de área construída em um terreno com 20 hectares. Ao todo, a unidade contará com 315 leitos, sendo 40 para Unidades de Terapia Intensiva (UTI), um Centro de Diagnósticos, um Centro Ambulatorial.

 

O prédio terá três entradas principais, uma exclusiva para pacientes com casos de urgência e emergência adulta e pediátrica referenciados pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a segunda para casos ambulatoriais e a terceira para internações.

A unidade de saúde também terá dois acessos, um pela Avenida Miguel Sutil e outra pelo bairro Despraiado. O estacionamento terá 444 vagas e a unidade ainda contará com um heliporto.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114