Artigos

Tudo bacaninha
Marcos Bidoia
Público e privado
Jairo Pitolé Sant'Ana
CPI do Paletó e a forma indecorosa
Gilberto Figueiredo
O trabalho do CRO é proteger a sociedade
Luiz Evaristo Ricci Volpato
AL trabalhando pelo fim dos conflitos agrários
Elvis Klauk Jr.
» mais
Comentar           Imprimir
Saúde
Terça, 30 de janeiro de 2018, 13h52

Médico diz que ingerir produtos vencidos podem trazer sérios problemas à saúde


É comum vermos notícias sobre a apreensão de produtos vencidos em supermercados, mas nem todo mundo presta atenção nos rótulos na hora de fazer as compras e acaba ingerindo produto vencido.

Para o presidente do Hospital Beneficente Santa Helena (HBSH), Dr. Marcelo Sandrin, esse tipo de falta de atenção pode trazer sérios problemas para a saúde, isso porque, quando nós ingerimos alimentos fora do prazo de validade, acabamos ficando expostos a uma série de complicações.

"A ingestão desses alimentos pode causar infecção, intoxicação alimentar e até mesmo o temido botulismo, uma doença bacteriana que pode ser fatal, especialmente para crianças e idosos".

Sandrin explica que isso acontece porque quando estão fora do prazo de validade previsto pelos fabricantes, os alimentos começam a se deteriorar e passam a ser tomados por micro-organismo, muitos nocivos aos organismo humano, como as bactérias e fungos.

"Embora seja comum que alguns alimentos, como pães e outras massas; criem uma crosta esverdeada de bolor; há casos em que a comida já não está boa para o consumo, mas sem apresentar alterações visíveis em seu aspecto. Então, é preciso redobrar a atenção na hora de comprar e caso venha a ter algum sintoma, procurar um médico imediatamente!", finalizou.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114