» mais
Comentar           Imprimir
Saúde
Quinta, 12 de abril de 2018, 13h25

Projeto Saudarte prossegue em Várzea Grande nesta sexta-feira (13.04)


.

O Saudarte, uma parceria entre as secretarias de Estado de Saúde e Cultura, vai levar música para dentro do Hospital Metropolitano de Várzea Grande nesta sexta-feira (13.04). A iniciativa visa a interação entre personalidades das artes regionais e pacientes internados em hospitais da rede pública estadual de Saúde, contribuindo no processo de recuperação.

Lorenzo Falcão, coordenador do projeto, conta que está confirmada a participação do instrumentista e cantor Gabriel Henriques nesta terceira incursão dentro do Metropolitano com um repertório bastante popular. A participação da Academia Mato-grossense de Letras também está prevista.

O Projeto Saudarte surgiu a partir de uma articulação entre as duas pastas do Governo do Estado. “Seu foco é a medicina humanizada, com a participação voluntária de escritores, musicistas, artistas plásticos, atores entre outros”, especifica Lorenzo.

A coordenação do projeto, entretanto, frisa que não existe um critério específico para selecionar artistas aptos à participação. O argumento baseia-se no fato de que saber das artes e praticá-las, acima de tudo, faz parte da condição humana.

No lançamento do Saudarte (04.04), participaram os atores Ilson de Oliveira e Vinicius Hoffman, ambos caracterizados como palhaços; além do poeta e escritor Sebastião Carlos Gomes de Carvalho, que também é presidente da Academia Mato-grossense de Letras.

No começo desta semana, segunda (09.04), o artista plástico Valques Pimenta e o poeta, escritor e ator, Luiz Renato Souza Pinto, participaram. No total, considerando as visitas às enfermarias e UTI, mais de 60 pessoas, entre pacientes e acompanhantes e servidores do Hospital, já presenciaram e interagiram com os artistas envolvidos.

Lorenzo Falcão ressalta que a participação da equipe do Hospital Metropolitano de Várzea Grande, em todos os níveis hierárquicos, tem sido fundamental para o sucesso do Saudarte. Os pacientes internados e seus familiares estão acolhendo espontaneamente as ações.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A onda 'não eleja parentes' pode afetar Emanuelzinho Pinheiro?

Afeta pois o pai prefeito Emanuel foi flagrado no caso do paletó furado.
Não afeta e segue separado dos problemas do pai
Tanto faz, o povo não não leva a sério o voto.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114