» mais
Comentar           Imprimir
Saúde
Quarta, 04 de julho de 2018, 22h35

Telessaúde MT é apontado como ferramenta para a promoção da saúde


Com 1.599 consultorias registradas em 2018 e 94,07% de aprovação, o Telessaúde Mato Grosso é reconhecido pelo Conselho Estadual de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) como uma importante ferramenta de fortalecimento da atenção e promoção da saúde. O programa foi destacado durante o Encontro Estadual da Saúde Básica que acontece em Cuiabá, evento promovido pelo Ministério da Saúde em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde (SES/MT) e o Cosems.

“A ferramenta do Telessaúde hoje é de extrema importância para Mato Grosso e cada vez nós notamos a disponibilidade das equipes em fazer a diferença e o quanto nossos municípios estão contagiados pelo programa”, ressaltou a presidente do Cosems, Silvia Regina Cremonez Sirena, durante a abertura do evento.

A qualificação de profissionais do interior para operar o eletrocardiograma, pelo Telessaúde, foi uma das grandes conquistas apontadas por Silvia Cremonez, comemorando o fato de municípios muito distantes dos polos e inclusive unidades da zona rural já estarem realizando sem precisar que o paciente percorra longas distâncias em busca do serviço. “Gostaríamos que cada vez mais esta ferramenta seja fortalecida, principalmente pelo fato de Mato Grosso ser um estado continental”, completou a presidente do Cosems.

O Telessaúde é um programa nacional que já tem a adesão de Mato Grosso desde 2015 numa parceria entre a Secretaria de Estado de Saúde (SES/MT) e o Hospital Universitário Júlio Muller (HUJM) e cujo objetivo é apoiar a consolidação das Redes de Atenção à Saúde ordenadas pela Atenção Primária no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

O programa, que representa agilidade no atendimento ao paciente, resolutividade e redução de custos ao erário, faz uso de modernas tecnologias da informação e comunicação para atividades à distância, relacionadas à saúde. Estas tecnologias possibilitam a interação entre profissionais de saúde, por meio do acesso remoto a recursos de apoio diagnóstico, atividades de tele-educação e solicitação de teleconsultorias, com a finalidade de esclarecer dúvidas sobre procedimentos clínicos, ações de saúde e questões relativas ao processo de trabalho.

 

Indicadores de desempenho do Telessaúde revelam, ainda, que 85,95% de satisfação em relação ao atendimento à dúvida principal do profissional que recorreu à teleconsultoria, que envolvem principalmente questões administrativas, casos de hanseníase e outras doenças infecciosas, educação em saúde, vacinação e medicações preventivas, sinais e sintomas de pele e boca entre outros.

Quanto aos profissionais mais solicitados são os médicos, enfermeiros, cirurgiões dentistas, agentes comunitários e técnicos de enfermagem. Já entre os municípios que mais recorrem ao Telessaúde estão Cocalinho, Ribeirão Cascalheira, Água Boa, Juruena, Nova Mutum, Confresa e Tangará da Serra.


 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

O futuro político de Pedro Taques será:

Candidato a prefeito de Cuiabá em 2020
Voltar a operar na área de Direito
Não me interessa, problema dele.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114