Cuiabá | MT 04/12/2021
Saúde
Terça, 15 de junho de 2010, 00h23
Saúde

Exercícios deixam o quadril mais flexível e diminui dores


Um quadril enferrujado dificulta as atividades mais simples do dia a dia, como levantar e sentar, por isso é importante trabalhar a flexibilidade da região. As dores na coluna vão embora, você conseguirá se levantar da cadeira sem reclamar e cortar as unhas dos pés facilmente, além disso, um quadril mais soltinho te deixa com mais mobilidade, melhorando até o desempenho sexual.

O quadril, união da pelve com o fêmur (osso da coxa), é uma articulação muito importante, pois é a parte central do corpo e, por isso, concentra todos os movimentos. "Toda a carga que vem das outras partes do corpo e todo peso que a pessoa carrega acaba se concentrando no quadril", afirma o fisiologista do esporte Paulo Correa, da Unifesp.
 

No entanto, como os problemas de quadril demoram a se manifestar, as pessoas costumam a não dar a atenção que a região merece. "Os remédios para dor tratam os problemas que aparecem no quadril, como dores e enrijecimento, temporariamente, causando o retardamento dos sintomas e a transferência de carga para alguma outra parte do corpo, como os joelhos. Porém, é preciso que se dê maior atenção quando estas dores aparecerem na região, para evitar que as doenças evoluam e se tornem crônicas", alerta o fisiologista.

"A maioria dos problemas de quadril estão voltados para a falta de flexibilidade. É importante observar quando não estiver conseguindo realizar pequenos atos, como coçar as costas ou agachar e fazer exercícios que buscam uma melhoria", explica o especialista Paulo Correa.
 
Além de arrasar na dança quando for a uma festa e evitar o aparecimento de problemas mais sérios, a mobilidade de quadril melhora, e muito, o desempenho sexual, pois garante a flexibilidade e te ajuda a manter o pique. Aposte nos exercícios físicos específicos para relaxar a musculatura pélvica e o quadril, adquirindo mais "molejo" para os movimentos.
 
Treino para o quadril soltinho
- Alongamento: os exercícios de alongamento, pilates, agachamento e atividades com bola são ótimos porque além de fortalecer a musculatura pélvica, dão mobilidade muscular par ao quadril.
- Aulas de dança: algumas modalidades conseguem deixar o quadril mais solto em, no mínimo, duas semanas. "Pole dance (dança sensual em que os movimentos são realizados em um poste vertical) e a dança do ventre, por serem atividades que trabalham muito o quadril, garantem efeitos bem rápidos e positivos", assegura a personal training Fernanda Andrade.
bambolê - foto: banco de imagens
- Atividades com bola: a personal trainer Fernanda Andrade diz que a bola é a grande aliada na hora de soltar a musculatura da pelve. "Exercícios com a pessoa sentada na bola, como pular, movimentar o quadril para o lado e a cintura para frente e para trás são boas opções. Realizar três repetições de cada tipo, durante três minutos faz muito bem para a leveza do quadril", explica a especialista.
- Bambolês: ainda de acordo com a personal, bastam apenas vinte minutinhos diários de atividade com o bambolê para alcançar bons resultados. "O bambolê é divertido e eficiente. Se a pessoa usa com dedicação, perde calorias e aumenta o requebrado", diz Fernanda Andrade.
 

Andressa Basilio/Minha Vida




Busca



Enquete

Com Emanuel afastado, o vice Stopa traz recursos do governo Mauro. O que você acha?

Com Stopa Cuiabá só tem a ganhar
Emanuel fazia birra e Cuiabá perdia
Mauro poderá fazer muito mais por Cuiabá com Stopa
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114