» mais
Comentar           Imprimir
Agronegócio
Quarta, 08 de novembro de 2017, 10h44

Projetos de Mato Grosso são apresentados a fundo estatal chinês


Foto: José Medeiros
.

O governador Pedro Taques, prefeitos e representantes do setor produtivo que compõem a delegação do estado apresentaram projetos de investimento em Mato Grosso para o China-LAC Cooperation Fund, fundo de investimento estatal para parcerias com a América Latina, nesta terça-feira (07.11).

.

O Fundo tem orçamento para investimento de U$ 1 bilhão e pode investir em projetos de educação, conservação da água e energia, recursos naturais, infraestrutura, agricultura e tecnologia, entre outros.

O Fundo chinês já financia cinco projetos no Brasil nas áreas da construção civil e agricultura, entre outras. A comitiva foi recebida pelo CEO Xiwen Simon Fan, que demonstrou entusiasmo com os projetos apresentados, tais como os parques tecnológicos do Estado e do município de Sorriso e o setor de energia. “Desejamos ampliar nossos projetos de investimento no Brasil. É um país estratégico para a China e vamos agora estudar em detalhes os projetos apresentados”.

O setor produtivo do Estado, representado pela Aprosoja e Famato, também apresentaram projetos para captação de recursos, como o Agrohub e o Soja Plus.

A criação do Fundo foi anunciada durante a visita do presidente chines Xi Jinping ao Brasil, em 2014. Segundo as exigências do governo chinês, podem ser investidos U$ 100 milhões por projeto e as empresas chinesas podem aplicar no máximo 30% para investimentos sociais.

O governador Pedro Taques lembrou que a China é o principal parceiro comercial e que o futuro do Estado está ligado ao país asiático. “É uma relação de ganho para os dois lados. Nós produzimos muito alimento e vocês precisam de muito alimento. O consumo certamente irá aumentar, assim como nossa produção. Mas precisamos investir em infraestrutura e projetos de alcance social e esse fundo tem um papel importante para alcançamos esse objetivo”, disse o governador.

Instigados pelas apresentações e pelas informações dadas, os chineses concluíram dizendo que vêem bastante potencial de financiamento em Mato Grosso, e anunciaram para breve uma visita ao estado para conhecer de perto essa realidade.
 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114