» mais
Comentar           Imprimir
Agronegócio
Quinta, 09 de novembro de 2017, 11h04

Tecnologia para o campo é rápida e dinâmica


.

A inovação tecnológica é muito dinâmica quando se trata do setor do agronegócio. A adesão costuma ocorrer em etapas. Somente à medida que as vão amadurecendo e se mostram eficientes é que os produtores vão adotando estas novas tecnologias para o agronegócio. É importante ressaltar que as elas serão determinantes para o aumento da produtividade em pastos e lavouras de todo o mundo. Sem isso, será difícil alimentar um planeta com uma população estimada em 10 bilhões de pessoas em 2050. E a variedade de tecnologias cresce consideravelmente a cada dia. O mercado oferece desde soluções simples até uso de Veículos Aéreos Não Tripulados – VANTs, conhecidos popularmente como drones, software e plataformas que mapeiam e monitoram as lavouras a cada hora.

.

Em Mato Grosso, a utilização dos populares drones nos pastos e lavouras tem sido cada vez mais comum. De acordo com o instrutor credenciado junto ao Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (SENAR-MT), Edson Jabur, uso de Veículos Aéreos Não Tripulados – VANTs cria diversas oportunidades para os produtores rurais. Segundo ele, quando se executa voos regulares é possível acompanhar o desenvolvimento da lavoura, onde as imagens são captadas e analisadas cronologicamente. "Na agropecuária temos os seguintes exemplos do uso de Drones: detecção de pragas e doenças, identificação de problemas de irrigação, falhas de plantio, acompanhamento do vigor das plantas, acompanhamento de pastagens e inspeção de cercas", explica Jabur.

O resultado tão esperado e desejado com o uso de tecnologias está diretamente ligado à capacidade de integração multidisciplinar, ou seja, não adianta ter equipamentos modernos e caros se não houver trocas de experiências entre os profissionais que atuam em uma fazenda por exemplo. Produtor rural, médico veterinário, agrônomo, piloto de Drone e profissionais de tecnologia da informação precisam trabalhar alinhados em buscas de soluções para aumentar a produtividade e a eficiência. Para extrair o melhor do que cada tecnologia oferece é preciso ter profissionais qualificados e capacitados. Com o aumento da procura por mão de obra qualificada e capacitada para operar os drones, uma nova demanda surgiu e SENAR-MT foi um dos primeiros a ofertar o curso de Operação de Veículo Aéreo não Tripulado – Drone.

Voltado para o homem do campo, a ideia do treinamento é capacitar o produtor rural nesta nova tecnologia. A necessidade de conhecimento é muito grande. "Desde que disponibilizamos no portfólio da instituição, em setembro de 2016, já capacitamos mais de 180 produtores rurais em vários municípios mato-grossense. A expectativa é que até o final de 2017, mais de 240 pessoas façam este treinamento", enfatiza o superintendente do SENAR-MT, Otávio Celidonio.

Se de um lado falta mão de obra qualificada para extrair 100% do que as novas tecnologias oferecem, por outro lado a cada dia surgem dezenas de novas soluções tecnológica para os mais diversificados problemas do meio rural. Confira algumas que estão chamando a atenção no setor do agronegócio mundial:

AgriTask – desenvolveu a plataforma mais flexível do mundo, que atualmente serve a uma grande variedade de cultivos. Está presente em 25% dos maiores produtores de Israel e em algumas das maiores empresas mundiais, nas áreas de hortifruti, lavouras, pomares, citrus, viticultura, flores em estufas, viveiros florestais e outras. http://www.scantask.com

SMART Fertilizer – é uma plataforma de apoio para o uso otimizado de fertilizantes na agricultura. Permite produtividades máximas com redução de custos e aumento de lucros. A plataforma tem informações para mais de 250 cultivos diferentes em diversas regiões.

Taranis Visual – é uma plataforma de inteligência em agricultura de precisão que ajuda a monitorar seus talhões, tomar decisões e depois acompanhá-las. É uma ferramenta revolucionária que vai mudar a forma de gestão das atividades agrícolas usando o "big data". http://www.taranis-visual.com/

Agricams – desenvolve soluções de aplicações de software geoespacial para uma ampla gama de agricultura. Pesquisa e desenvolvimento, são elementos-chave no sucesso dos serviços da empresa. A pesquisa em andamento é feita nos campos de dados de satélite, sensores, aplicação de software de tecnologia de sensoriamento remoto, a fim de melhorar as culturas agrícolas. Web.agricamag.com

SolChip – O Sol Chip fornece um módulo de comunicação de baixa potência acoplado a tecnologia de colheita de energia auto-sustentável. Seu design eficiente em energia reduz os custos gerais de operação do sistema. http://www.sol-chip.com

Bacsoft – fornece uma solução completa para criar e gerenciar aplicativos avançados do IoT. Com o Bacsoft, as empresas podem conectar rapidamente sua infraestrutura de legado à Internet Industrial e criar aplicativos poderosos que transformam seus negócios. http://www.bacsoft.com

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114