» mais
Comentar           Imprimir
Interior de MT
Quinta, 09 de novembro de 2017, 15h52

Primeira turma do Curso de Prevenção e Reação Contra a Violência começa em Alta Floresta


Trinta profissionais de Segurança Pública iniciaram na manhã de terça-feira (07.11), a primeira turma do Curso de Prevenção e Reação Contra a Violência Urbana, na Regional de Alta Floresta (803 km ao Norte). A capacitação é realizada pela Academia da Polícia Judiciária Civil (Acadepol), em parceria com a Gerência de Operações Especiais (GOE) e Sindicato dos Investigadores (Siagespoc).

O curso tem a finalidade de orientar os profissionais de Segurança em técnicas de prevenção fora do horário de serviço, assim como a avaliação de condições de reação ou não e em caso positivo, como deverá ser essa reação. Na capacitação são abordados temas como janelas de oportunidade, simulação e saque velado.

Integrante da equipe de instrutores, o investigador Rodrigo de Matos Emiliano, explica que o curso é uma necessidade, uma vez que policiais são alvos “Estatísticas mostram que 79% das mortes de policiais acontecem fora do horário de serviço. O profissional de segurança aprende sempre estar no domínio da situação durante o trabalho, porém muitas vezes é pego desprevenido em momentos de folga”, destacou.

Na primeira turma, as aulas ministradas pela equipe do GOE são realizadas no Comando da Polícia Militar e na área do parque de exposição em Alta Floresta. A segunda turma do curso será realizada na Regional de Sinop (500 km ao Norte) com início no dia 10 de novembro.

Ao todo serão realizadas 14 turmas até dezembro de 2017, atendendo as regionais de Cuiabá, Várzea grande, Alta Floresta, Sinop, Pontes e Lacerda, Cáceres, Nova Mutum, Juína, Barra do Garças, Tangará da Serra, Primavera do Leste, Rondonópolis, Água Boa e Confresa.

As vagas por turma são voltadas para policiais civis e duas para servidores convidados de outras instituições. O curso com carga horária de 20 horas/aulas é coordenado pela Gerência de Operações Especiais, sendo a supervisão realizada pedagógica pela Acadepol.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114