» mais
Comentar           Imprimir
Interior de MT
Sexta, 09 de fevereiro de 2018, 18h04

Presidente instala novas varas em Rondonópolis


O presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargador Rui Ramos Ribeiro, promove nesta sexta-feira (09 de fevereiro) a instalação de mais duas varas na Comarca de Rondonópolis (212 Km ao Sul da Capital).

A Comarca do município passará a contar agora com a 7ª Vara Cível, com competência do Juizado Especial, e com a 5ª Vara Criminal, que terá competência para julgar crimes de tráfico de drogas.

Com a criação da 7ª Vara Cível, os aproximadamente 14.000 processos que tramitam no Juizado Especial serão divididos, entre a 5ª Vara Cível, já existente, e a nova Vara, proporcionando mais celeridade no serviço prestado. A nova vara também atuará como Juizado Especial, com competência Cível, Criminal e de Fazenda Pública.

A 5ª Vara Criminal é um desmembramento da 1ª Vara Criminal e foi idealizada após a criação da Comissão Especial sobre Crimes de Drogas, sob o comando do Desembargador Marcos Machado. O município de Rondonópolis é considerado rota do tráfico, pois possui pela BR 163 ligação com o Paraguai e pela BR 364 ligação com a Bolívia e Peru. Nos últimos três anos foram apreendidos aproximadamente três toneladas provenientes do tráfico de drogas na Comarca.

As duas varas que serão instaladas em Rondonópolis tiveram a criação aprovadas pelo Pleno do Judiciário Estadual no final do ano passado. A proposta é aprimorar a prestação jurisdicional em todo o Estado, apesar das dificuldades orçamentárias.

De acordo com o juiz diretor do Fórum, Francisco Rogério Barros, a instalação das novas varas deve desafogar o número de processos em tramitação e promoverá ainda mais agilidade na prestação do serviço jurisdicional.

A cerimônia de instalação será realizada no Plenário do Tribunal do Júri do Fórum, a partir das 17 horas.
 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114