» mais
Comentar           Imprimir
Interior de MT
Segunda, 09 de abril de 2018, 19h14

Serviço de Relacionamento melhora atendimento ao usuário do Hospital Regional


O Hospital Regional de Rondonópolis “Irmã Elza Giovanella” conta desde dezembro do ano passado com o Serviço de Relacionamento com o Usuário, o SRU. Através deste serviço é possível ter um canal de comunicação com os usuários para acolher sugestões, solicitações, reclamações, elogios e, além disso, fornecer informações e esclarecer dúvidas dos serviços prestados.

Para o diretor administrativo do hospital, Carlos André dos Anjos, o SRU vem para somar com a Ouvidoria do Sistema Único de Saúde (SUS), que é obrigatória dentro dos hospitais. “Temos uma colaboradora que visita de segunda a sexta-feira todos os setores, conversando com os pacientes e acompanhantes para saber o que está acontecendo de errado, o que pode ser melhorado e o que está funcionando bem. E quando se tem uma reclamação, a equipe do setor que foi citado tem até 24 horas para dar uma resposta ao usuário.”

“O SRU tem dado frutos importantes para o hospital, já que com as sugestões é possível desenvolver ações preventivas e soluções para que os problemas expostos sejam resolvidos o mais rápido possível, além de dar uma visão maior e elaborada dos problemas para os gestores”, completa Carlos André.

Dona Genilce Martins da Silva está no hospital para um retorno, depois de passar por uma cirurgia no braço motivada por uma queda, há dois meses. Ela não chegou a ser entrevistada pela colaboradora que passa pelos setores do hospital, mas gostou da iniciativa. “O tempo que precisei ficar aqui fui bem atendida e é sempre bom saber que a gestão está preocupada com a qualidade do atendimento.”

Para a diretora assistencial do hospital, Josyane Delgado de Oliveira, a ouvidoria ativa instalada na unidade ajuda muito no tempo de resposta. “Apesar dos usuários já terem acesso à Ouvidoria do SUS, considero fundamental termos uma ouvidoria ativa, considerando que assim temos um tempo de resposta curto para que seja resolvido o problema, e ocorra a retratação com o usuário. Isso tem gerado maior resolutividade nos problemas que surgem, melhorando a qualidade do serviço prestado”.

Quem também tem gostado do sistema é a responsável técnica da cozinha do hospital, Soraya Portela Gomes Paim, já que seu setor vem ganhando vários elogios tanto de colaboradores quanto de pacientes e acompanhantes. “Todos os colaboradores se empenham em atender o usuário, e ter esse reconhecimento nos motiva cada vez mais a fazer sempre o melhor”.

ATENDIMENTOS

Hoje no Hospital Regional de Rondonópolis são atendidas as especialidades de ortopedia, neurologia, nefrologia, clínica médica, cirurgia geral, urologia, radiologia, infectologia, otorrinolaringologia, buco-maxilo, cirurgias plásticas, cirurgia vascular e pediatria.

São realizados mensalmente no Hospital Regional Irmã Elza Giovanella, em média, 450 cirurgias, 950 atendimentos de urgência e emergência, 1.300 consultas médicas e procedimentos como diagnóstico em laboratório clínico, ultrassonografia, endoscopia, colonoscopia, diagnóstico por radiologia e procedimentos em hemoterapia, além de 5.000 atividades ambulatoriais de atendimento multidisciplinares (serviço social + fisioterapia + psicologia).

Já através do Serviço de Apoio Diagnóstico e Terapêutico (SADT), que são os exames ou análises feitos para a população atendida nas unidades básicas de saúde e necessitam de exames no hospital, e para os pacientes internados, foram realizados em média 13.000 procedimentos.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

O futuro político de Pedro Taques será:

Candidato a prefeito de Cuiabá em 2020
Voltar a operar na área de Direito
Não me interessa, problema dele.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114