» mais
Comentar           Imprimir
Interior de MT
Quarta, 15 de agosto de 2018, 13h07

Microempreendedores aprovam projeto desenvolvido pela Prefeitura de Nova Ubiratã


Centenas de pessoas prestigiaram, no último sábado (11), a 1ª edição do Projeto “Vem Pra Praça”, promovido pela prefeitura de Nova Ubiratã, através da secretaria municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Cultura.

Se por um lado, a adversidade artística e cultural agradou o público formado por famílias de diferentes localidades do município, por outro, a surpresa foi dos microempreendedores que superaram a expectativa de vendas e comemoraram o resultado positivo.

Um desses expositores é o aposentado Sebastião Fernandes da Silva, que juntamente com a esposa e as duas filhas, comercializou mais de 150 itens, entre tapiocas e cachorros-quentes.

“Eu estava confiante, mas não imagina que o resultado seria tão bom. Estamos muito felizes e ansiosos para participar da próxima edição do projeto”, enfatizou o microempreendedor que trabalha há oito anos como vendedor de salgados.

“No começo eu queria apenas ajudar minhas filhas, mas com o passar do tempo percebemos que a venda de salgados era um negócio lucrativo e poderia auxiliar em nossa renda. Hoje me sinto feliz trabalhando ao lado da minha família”, disse empolgado.

Outro que não escondeu o entusiasmo foi o microempreendedor Marcos Correia. Dono de um trailer de lanches, ele comercializou mais de 70 unidades de 11 diferentes sabores.

“Em poucas horas nós vendemos o equivalente a dois dias normais de trabalho, estou muito feliz com o resultado”, comemorou o trabalhador que há um ano deixou o emprego de vendedor em uma grande rede de produtos varejistas para se dedicar ao negócio próprio.

“Não tenho do que reclamar, meu ganho gira em torno de 40% a mais e ainda posso escolher minha rotina de trabalho”, revela Correia que atualmente é responsável pela geração de dois empregos diretos, sendo um fixo e outro temporário.

“Tenho uma clientela fiel e em breve estarei implantando o serviço de disk entrega, ou seja, irei contratar mais um funcionário”, conta entusiasmado.

Para Karina da Silva Rios o empreendedorismo trouxe satisfação em dobro. Mãe da mais jovem expositora do evento, Jhemily Mechi Rios, de 14 anos, ela conta como a venda de bolo no pote têm mudado a vida da filha.

“Ela sempre sonhou em fazer uma linda festa de debutante e para concretizar esse sonho passou a fabricar e vender os bolinhos no pote. Acredito que esse desejo de conquistar algo seja reflexo da criação que demos a ela. Aqui em casa nós ensinamos desde cedo à importância do trabalho digno”, explica Karina que revelou sentir muito orgulho da filha.

“Eu a ajudo na produção, depois disso ela sai de porta em porta oferecendo os bolos. Posso assegurar que o empreendedorismo mudou nossa vida. Sou uma mãe muito orgulhosa”, conclui.

Para o prefeito do município, Valdenir José dos Santos, a iniciativa vai além da comercialização dos produtos.

"Nosso intuito é proporcionar que esses e outros empreendedores saiam da informalidade. Desta forma eles passam a ter mais segurança financeira e o apoio, dentro da legalidade, da Administraçã Municipal", esclarece.

Projeto continua

A próxima edição do Projeto "Vem Pra Praça" está prevista para o dia 22 de setembro, na Praça Amarildo Antônio Maraskin, no bairro Jardim Santa Helena.

“Nosso objetivo é repetir o sucesso da edição anterior. Para isso estamos organizando uma programação diferenciada e buscando a parceria de novos empreendedores”, pontua o secretário municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Cultura, Wellyngton Tavares.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A onda 'não eleja parentes' pode afetar Emanuelzinho Pinheiro?

Afeta pois o pai prefeito Emanuel foi flagrado no caso do paletó furado.
Não afeta e segue separado dos problemas do pai
Tanto faz, o povo não não leva a sério o voto.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114