» mais
Comentar           Imprimir
Nacional
Sábado, 20 de abril de 2019, 15h23

Reunião entre representantes dos caminhoneiros e ministros acontece em Brasília


 

 

.

Wallace Costa Landim, conhecido pelos caminhoneiros como Chorão, participou ontem de uma reunião no Ministério da Agricultura com a Ministra Tereza Cristina, da Agricultura, e com o Ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas. O principal foco da reunião foi a redução de custos do transporte e ampliação das iniciativas que possam aumentar a renda dos caminhoneiros autônomos. A reunião aconteceu na noite desta quarta.

Estavam presentes o presidente da Cooperativa dos Transportadores Autônomos do Brasil, Wallace Landim; Paulo Costa, David Rocha e Marcelo Aparecido, diretores da Acav, associação dos transportadores autônomos do Porto de Santos; Carlos Henrique, da Coopertrans, também do Porto de Santos; Rodney Larocca, da Coopertrac, cooperativa de Castro, no Paraná.; e Gustavo Ávila, representante de caminhoneiros autônomos. O grupo explicou aos ministros que a categoria só quer ter condições de trabalhar com dignidade. O aumento dos preços do óleo diesel foi um dos assuntos tratados, assim como os preços mínimos e a tabela de frete, as formas de organização dos autônomos e as medidas para aumentar a segurança da categoria nas rodovias.


A Ministra da Agricultura destacou que haverá uma facilitação das cargas da Conab para os caminhoneiros autônomos, medida que havia sido anunciada após a greve de maio de 2018 pelo Governo Temer, mas que tem pouco retorno para os caminhoneiros atualmente.

O Ministro Tarcísio de Freitas destacou novamente o espaço que o Governo Federal vem dando para os caminhoneiros, através do diálogo, e anunciou também a criação de uma parceria com embarcadores para que os fretes dessas empresas sejam repassados diretamente e com prioridade para os caminhoneiros autônomos.

“Nós vamos garantir trabalho, é fundamente garantir trabalho enquanto a gente vai implementando os ajustes no setor de transporte rodoviário de carga”, frisou o Ministro.

O Ministro da Infraestrutura também anunciou o fim dos estudos para desenvolvimento do novo piso mínimo de fretes, criado em parceria entre a ANTT e a Esalq/USP, e anunciou que com esse novo sistema, a preocupação dos caminhoneiros com os valores do diesel chegará ao fim. De acordo com o Ministro, a cada alteração dos valores dos combustíveis, a tabela será reajustada automaticamente. 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114