Artigos

Infeliz o povo que depende de uma eleição
Amadeu Roberto Garrido de Paula
Nossa democracia tem solução - e não é intervenção
Fellipe Corrêa
Restaurar o futuro
Coriolano Xavier
Saúde e fake news
Luiz Evaristo Ricci Volpato
As Redes Sociais podem acabar?
João Alves Daltro
» mais
Comentar           Imprimir
Variedades
Sexta, 06 de outubro de 2017, 09h08

Coral Infanto-juvenil da UFMT apresenta os EnCantos do Brasil


Neste domingo (8), as 50 vozes do Coral Infanto-juvenil da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), apresentarão os EnCantos do Brasil. O espetáculo acontece no Teatro Universitário a partir das 19h. Os convites deverão ser trocados por dois litros de leite na bilheteria do Teatro, que estará aberto duas horas antes do início da apresentação.

O repertório reúne 14 canções populares das várias regiões do país, com seus múltiplos estilos, ritmos, temas e melodias.
A regência do Coral fica a cargo de Wando Martiniano, Rômulo Aguiar e Camyla Félix. A coordenação do Coral Infantojuvenil é da servidora e pedagoga Ana Lia Rodrigues e preparação Vocal de Camyla Félix. A direção artística é da professora e maestrina Dorit Kolling.

O espetáculo conta com o acompanhamento dos músicos Rodrigo Cavalcante (teclados), Ricardo Kalan Schwartz (percussão) e Augusto César (flauta/sax e violino) e participação do grupo Grupo Wanamusiki, composto por Adonys Aguiar, Rômulo Aguiar, Tayza Andrade e Thaynne Andrade, que se dedica ao trabalho musical na área da percussão corporal e com instrumentos alternativos.

O Coral

O Coral Infanto-juvenil é um projeto de extensão e faz parte do Núcleo Coral UFMT. Iniciou suas atividades em 1999 e, desde então, tem realizado e participado de inúmeras apresentações e eventos e é formado por crianças e adolescentes entre 7 e 15 anos
Ao longo dos anos de trabalho, participou dos 1º e 2º Painéis de Regência Coral de Mato Grosso, produziu e realizou diversos espetáculos como “Brasileirinhos” (2004), “Próprio para Menores” (2005), “Planeta Sonho” (2007), “O Circo vem Aí” (2015), entre outros.
Participou também juntamente com o Coral UFMT (grupo adulto) e do Coral Praticutucá, da montagem da cantata cênica “Carmina Burana” (2007), de Carl Orff. Em 2016, foi anfitrião do I Encontro de Coros Infantojuvenis realizado na UFMT.  


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114