» mais
Comentar           Imprimir
Turismo
Domingo, 11 de fevereiro de 2018, 19h35

Jericoacoara atinge o topo do turismo nacional


Pedra Furada, em Jericoacoara

 O município de Jijoca de Jericoacoara (CE) alcançou o topo do ranking do turismo nacional. É o que diz a nova categorização do Ministério do Turismo, divulgada nesta quarta-feira (31), que identifica o desempenho da economia do setor nos municípios que constam no Mapa do Turismo Brasileiro. O crescimento no número de empregos formais no setor de hospedagem, do número de estabelecimentos formais de hospedagem e aumento do fluxo turístico doméstico e internacional foram determinantes para que Jericoacoara, um dos principais cartões postais do país, subisse da categoria B, em 2015, para a categoria A neste novo levantamento.

Conhecido mundialmente pela beleza das praias, dunas, lagoas e manguezais na costa cearense, o local oferece opções de hospedagem desde albergues e campings para mochileiros até hotéis de luxo. Também come-se muito bem em restaurantes caseiros ou sofisticados.

Em junho de 2017, a inauguração do Aeroporto Regional de Jericoacora deu início a uma nova fase para o turismo no estado. Com capacidade inicial para receber três voos diários e até 600 mil passageiros por ano, o aeroporto recebe voos regulares e fretados. O Estado do Ceará conta com 74 municípios no Mapa do Turismo Brasileiros classificados da seguinte maneira: A (02), B (06), C (20), D (43) e E (03).

“A melhoria da classificação de destinos tão expressivos como Jericoacora mostra que nossos municípios têm trabalhado cada vez mais para fortalecer sua atividade turística e reconhecem que esse é um caminho natural também para o fortalecimento das economias locais. No que diz respeito ao Ministério do Turismo estamos atentos às demandas do setor como melhoria de infraestrutura, legalização e qualificação dos serviços”, avaliou o ministro do Turismo, Marx Beltrão.

CATEGORIZAÇÃO - A partir de quatro variáveis de desempenho econômico - número de empregos, de estabelecimentos formais no setor de hospedagem, estimativas de fluxo de turistas domésticos e internacionais – os municípios foram divididos por letras, que vão de ‘A’ a ‘E’. De acordo com a nova classificação, houve crescimento da atuação do turismo em 358 municípios.

Além disso, 189 cidades subiram da categoria ‘E’ para ‘D’, tornando-as aptas a receber recursos federais para promoção de eventos, por exemplo. Isso porque, segundo portaria 39/2017 do MTur, somente municípios classificados entre ‘A’ e ‘D’ podem pleitear apoio a eventos geradores de fluxo turístico. Ainda seguindo essa portaria, apenas 82 cidades ficarão de fora da lista de pleitos do MTur por descer de categoria, uma vez que deixaram a categoria ‘D’ e passaram para ‘E’.

CONFIRA AS MUDANÇAS DE CATEGORIAS - As novas categorias já estão disponíveis no endereço www.mapa.turismo.gov.br


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114