» mais
Comentar           Imprimir
Turismo
Quinta, 28 de junho de 2018, 06h09

Cooperação para fortalecimento do turismo rural


Estimular o turismo rural e impulsionar ganhos econômicos do segmento. Este é o objetivo de um acordo de cooperação técnica assinado nesta terça-feira (26), em Brasília, entre o Ministério do Turismo e a Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SEAD), que prevê ações como a comercialização e a promoção de produtos e serviços do setor. A medida integra um conjunto de iniciativas anunciado pelo presidente da República, Michel Temer, para fortalecer a agricultura familiar, responsável por 38% do valor bruto da produção agropecuária brasileira.

A parceria envolve o apoio do MTur à oferta de hospedagem em propriedades do ramo e a criação de roteiros gastronômicos, além de capacitação voltada a extensionistas rurais. O secretário nacional de Qualificação e Promoção do Turismo, Bob Santos, que assinou o acordo durante um evento no Palácio do Planalto, aponta benefícios do trabalho conjunto. “Falar de parcerias com o turismo é falar de soluções para o crescimento e a recuperação da nossa capacidade de gerar emprego e renda. Estamos muito felizes por poder transformar o potencial e vocação do turismo em negócios que beneficiem o produtor rural”, declarou.

As iniciativas divulgadas nesta terça incluem ainda acordos com a Associação Brasileira de Supermercados, para a disponibilidade de produtos da agricultura familiar em gôndolas específicas, e com o Ministério do Meio Ambiente, a fim de promover o desenvolvimento rural sustentável com a inclusão produtiva de comunidades tradicionais. O titular da SEAD, Jefferson Coriteac, destacou a necessidade de ações integradas. “Para o agricultor produzir, não basta apenas crédito, é preciso que ele tenha capacidade de realizar uma boa comercialização dos seus produtos”, apontou.

As novidades serão acrescentadas ao Plano Safra Plurianual 2017/2020, lançado no ano passado pelo governo federal. O documento prevê um total de R$ 31 bilhões em crédito ao setor por meio do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), com juros de 4,6%. O presidente Michel Temer frisou a importância do suporte ao ramo. “É fundamental privilegiar a agricultura familiar. Trata-se da base econômica da maior parte dos pequenos municípios do Brasil. Ela é fonte de empregos e tem peso decisivo no abastecimento do mercado interno”, enalteceu.

POTENCIAL - A parceria MTur/SEAD ajuda a dinamizar a associação entre turismo e natureza no país, que ganha uma crescente importância. Conforme o Estudo de Demanda Turística Internacional de 2017, ‘natureza, ecoturismo e aventura’ é a segunda motivação dos estrangeiros que visitam o Brasil a lazer, atrás apenas do turismo de sol e praia.

A agricultura familiar reúne aproximadamente 40 milhões de produtores no país, que representam 84% dos estabelecimentos rurais e são responsáveis por 70% dos alimentos que chegam à mesa dos brasileiros. Atualmente, o Brasil é o 8º maior produtor do mundo no cultivo de alimentos oriundos da agricultura familiar.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114