» mais
Comentar           Imprimir
Turismo
Terça, 31 de julho de 2018, 18h07

Ações para reabertura do Parque Serra Azul estão em andamento


 A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), por meio da Gerência do Parque Serra Azul, dá encaminhamento às ações para reabertura da unidade de conservação, localizada em Barra do Garças. A ações desenvolvidas irão garantir acesso às belezas naturais da área de 11 mil hectares.

De acordo com a gerente do parque, Cristiane Schnepfleitner, uma das prioridades é o monitoramento do Parque e da APA Pé da Serra Azul, além da implementação de ações estabelecidas para o Plano de Prevenção e Combate a Incêndios de 2018. As atividades incluem manutenção e abertura de aceiros, notificação das propriedades rurais, manutenção das estradas, instalação de pontos de captação e reservatórios de água.

Atualmente, a população tem acesso ao Cristo Redentor, localizado no Parque, pela Escadaria Fé. Para permitir a reabertura total do Parque Serra Azul, a Sema atua nas seguintes frentes:


- Finalização das obras de melhorias do Centro de Visitantes. Manutenção do ponto de captação de água e ordenamento do estacionamento;

- Parceria com equipe do MuHNa (Museu de História Natural) do Centro Universitário do Araguaia/UFMT para abrigar mostra embasada nas características do Parque nos seus atributos de fauna, flora, geomorfologia, arqueologia, no Centro de Visitantes

- Pedido de vistoria técnica ao IPHAN/Superintendência de Mato Grosso para cadastramento do sítio arqueológico Gruta dos Pezinhos, incluindo o apoio técnico para o planejamento e execução das medidas do plano de uso específico para o local

- Finalização do projeto de ordenamento dos trajetos de caminhada e da trilha das Cachoeiras do Córrego Avoadeira. Projeto será apreciado pelo Conselho Consultivo do Parque na primeira quinzena do mês de agosto, e, após, serão executadas as ações previstas (instalação de placas de sinalização, de conduta, informativas, pergolados e bancos, passarelas e melhorias no percurso da trilha, etc.)

- Elaboração da planta da Unidade de Fiscalização e Monitoramento Avoadeira que servirá também para apoio ao visitante. O projeto será levado para a apreciação do Conselho Consultivo na data informada, para posterior execução

- Elaboração do Plano de Uso Público visando conciliar, especialmente, os objetivos de preservação e conservação da UC com o uso público dos atrativos estabelecidos no Plano de Manejo

- Prestação de apoio técnico e legal à Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente na elaboração do projeto de melhoria arquitetônica para o atrativo turístico Discoporto, projeto assumido pela Prefeitura Municipal;

Diversas instituições são parceiras na gestão do Parque Serra Azul. Entre elas, 3ª Promotoria de Justiça Cível da Comarca de Barra do Garças/MPE-MT, 1ª Companhia Independente de Bombeiros/CBM-MT, 58º Batalhão de Infantaria Motorizada/Exército Brasileiro, DTCEA_BW/CINDACTA I/FAB, Prefeitura de Barra do Garças, Associação dos Amigos dos Animais e Aliança da Terra.

O Parque

O Parque Estadual da Serra Azul, criado em 1994 por iniciativa popular, localiza-se nos municípios de Barra do Garças e Araguaiana e está inserido no Bioma Cerrado. Possui diversas espécies da flora e da fauna endêmicas, destacando a espécie de peixe denominada "Astyanax xavante".

Com a proposta de oferecer segurança aos visitantes e cumprir as recomendações do Ministério Público Estadual (MPE), a Sema executou a reforma da guarita da entrada principal e toda a reestruturação da área da escadaria e do Mirante do Cristo Redentor. A unidade de conservação (UC) foi fechada em agosto de 2014 depois que um incêndio queimou 80% da cobertura vegetal da área.

Desde então, a Sema, por meio da Gerência Regional, em parceria com o MPE/MT - Comarca de Barra do Garças, vem desenvolvendo ações para a reabertura da UC. Em dezembro de 2017, foi reaberta a entrada ao Parque via Escadaria da Fé, após o término da construção da guarita, melhorias na escadaria e revitalização dos Mirantes do Cristo Redentor e da Nossa Senhora.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A onda 'não eleja parentes' pode afetar Emanuelzinho Pinheiro?

Afeta pois o pai prefeito Emanuel foi flagrado no caso do paletó furado.
Não afeta e segue separado dos problemas do pai
Tanto faz, o povo não não leva a sério o voto.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114