» mais
Comentar           Imprimir
Turismo
Terça, 26 de fevereiro de 2019, 01h39

39 destinos realizam festas de Carnaval no Brasil


Foliões brincam na Praça da Igreja de São Benedito, em Bragança (PA). Foto: Divulgação Prefeitura de Bragança (PA)

Quando se fala em Carnaval, a primeira imagem é das festas realizadas em grandes centros como Rio de Janeiro, Salvador e Recife, e, mais recentemente, dos blocos de rua que movimentam cidades como São Paulo, Belo Horizonte e Brasília. No entanto, a data representa uma das maiores tradições culturais do Brasil e mobiliza o público em pequenos e grandes municípios de norte a sul do país.

O espírito festeiro é uma marca nacional. Somente no Calendário Nacional de Eventos, gerenciado pelo Ministério do Turismo, estão inscritas 39 festas neste ano em que o Carnaval, ao invés de fevereiro, se realiza em março. De 1 a 5 de março, tem folia programada em Balneário Camboriú (SC), Bragança e Óbidos (PA), Oeiras (PI), Castelo (ES) e Corumbá (MS), destinos que são uma amostra da popularidade da festa nas cinco macrorregiões brasileiras.

Carnaval da Família, em Panorama (SP); Cultural, em Macau (RN); Festa Ufológica, em Colares (PA); Carnaboi, em Parintins (AM), terra do embate entre os bois Caprichoso e Garantido; são algumas das denominações utilizadas para batizar a folia nos municípios que inscreveram seus eventos no calendário nacional.

A festa promete também em destinos que, focados em segmentos específicos do turismo, apostaram no Carnaval para turbinar o turismo. É o caso de Brotas, no interior de São Paulo, que este ano adotou o lema “durante o dia, aventura, à noite, folia”. Ouro Preto (MG), patrimônio cultural da humanidade, que ao longo dos anos ganhou fama como cidade foliã, também está pronta para colocar os blocos na rua e atrair multidões, como acontece anualmente.

A afinidade do brasileiro com o Carnaval contribui para o incremento da atividade turística devido à grande movimentação de visitantes e aos gastos realizados por este público nas cidades. De acordo com dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), a previsão é de um impacto total de R$ 6,78 bilhões nas principais atividades econômicas do ramo em todo o país entre o sábado (01/03) e a Quarta-feira de Cinzas (06/03). Descontada a variação de preços, este resultado é 2% maior na comparação com o ano passado.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114