» mais
Comentar           Imprimir
Turismo
Quarta, 03 de abril de 2019, 13h26

Prodetur + Turismo: um ano apoiando melhorias no setor


Há exatamente um ano, gestores do setor turístico contam com uma ferramenta do Ministério do Turismo para acessar empréstimos em condições especiais e aprimorar atrativos. O Prodetur + Turismo, que credencia projetos de estados, municípios e da iniciativa privada à obtenção de financiamentos, contabiliza a avaliação de 151 propostas, somando cerca de R$ 5,2 bilhões em investimentos planejados.

.

Do total, 112 pleitos, que somam R$ 4,6 bilhões, receberam o Selo + Turismo, instrumento que garante prioridade à análise de empréstimos pelo BNDES e pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF), agentes financeiros oficiais do programa. O Prodetur + Turismo contempla desde ações como a urbanização de orlas, sinalização turística e a captação de eventos até a instalação de novos empreendimentos e marketing, entre outras.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, avalia que os resultados comprovam o sucesso da oferta da linha de crédito. “Conseguir financiamento com juros e prazos diferenciados é uma grande necessidade no setor. Os gestores têm, hoje, no programa, um grande parceiro para aprimorar a oferta turística dos destinos, o que favorece o aumento do fluxo de visitantes e, consequentemente, a geração de divisas, emprego e renda. Essa é a grande vocação do mercado de Viagens no Brasil”, frisa.

O Prodetur + Turismo também proporciona suporte à preparação de projetos. Germano Junges, secretário-adjunto de Governança de Canela (RS), destaca a importância do programa para o desenvolvimento do município, primeiro do país a ter crédito aprovado e contratado. “Sem isso, não teríamos condições de fazer as obras. Poderíamos buscar outras formas, mas as linhas oferecidas eram inviáveis”, compara. O projeto de Canela, no valor de R$ 38,6 milhões, contempla obras como pavimentação, drenagem e sinalização.

O programa também certificou outros investimentos de porte. A Paraíba, por exemplo, recebeu o Selo a um projeto de R$ 283 milhões para melhorias em praias do estado. São Sebastião (SP) foi contemplado na análise de R$ 150 milhões à criação de marinas públicas, e a empresa Seaquarium Brasil obteve a credencial a projetos de aquários em Gramado (RS) e Foz do Iguaçu (PR), orçados em R$ 115 milhões e R$ 220 milhões, respectivamente.

O coordenador-geral de Planejamento Territorial do MTur, Eduardo Madeira, observa que o Prodetur + Turismo busca reforçar a contribuição do setor ao desenvolvimento nacional. “A única forma de gerar emprego e renda e consolidar o turismo como grande ator do desenvolvimento econômico e social é com investimento. Com ações integradas, a gente consegue desenvolver diversos segmentos, com o apoio a inúmeras categorias de demanda de investimento em turismo, em todo o país”, ressalta. 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114