» mais
Comentar           Imprimir
Geral
Terça, 07 de novembro de 2017, 18h52

Seminário discute emergências ambientais com produtos perigosos


.

Cerca de 100 pessoas participam nesta semana do seminário estadual de Emergências Ambientais com Produtos Perigosos e Gestão de Resíduos Sólidos’. O evento segue até quinta-feira (09.11) no auditório do Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest Senat), localizado na Avenida Fernando Corrêa da Costa, n° 5115, bairro Areão, em Cuiabá.

De acordo com a presidente da Comissão Estadual de Prevenção, Preparação e Resposta Rápida a Emergências Ambientais Produtos Perigosos de Mato Grosso, que também é servidora da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), Nilma da Silva Taques, o objetivo da atividade é prevenir as ocorrências de acidentes com produtos químicos perigosos, bem como aprimorar o sistema de Preparação e Resposta Rápida a Emergências Químicas no Estado.

“É imprescindível que o Estado esteja preparado para enfrentar esse tipo de desastre considerando o crescimento das atividades de produção, manipulação, armazenamento e distribuição dos produtos químicos. Ao se preparar para enfrentar possíveis desastres, estaremos minimizando os riscos e as consequências desses episódios e isso é um ganho para nós, já que estaremos um passo à frente da situação. ”

Nilma explica que no último dia de evento será feito a simulação de vazamento de gás no gasoduto. “Vamos simular um acidente que acarretará no vazamento de produto perigoso. O produto nesse caso é fictício. Com essa atividade queremos avaliar o preparo da equipe que participou do evento para quando ocorrer um acidente de verdade eles possam atender adequadamente.”

Participam do seminário servidores públicos, empresas privadas, sindicatos, concessionária de rodovia, representantes de diversas entidades como, Sema, Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Corpo de Bombeiros Militar (BMMT) e prefeituras.

Programação

O seminário iniciou nesta segunda-feira (06.11) e já debateu até o momento diversos temas, como o coprocessamento de resíduos; riscos ambientais da mineração; gestão de resíduos industriais; atuação da concessionária em acidentes perigosos; técnicas de tratamento de resíduos gerada na suinocultura, entre outros.

Na quarta-feira (08.11), a partir das 8h, o grupo volta a se reunir para tratar do papel da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) como Centro Regional da Convenção de Estocolmo sobre Poluentes Orgânicos Persistentes (POPs) para a Região da América Latina e Caribe.

O seminário debaterá ainda a percepção de riscos químicos, a legislação de transporte rodoviário de produtos perigoso e, após o almoço, às 14h, terá uma apresentação sobre a Comissão de Estudos e Prevenção de Acidentes no Transporte Rodoviário de Produtos Perigosos do Estado de São Paulo.

Logo em seguida o grupo irá tratar do gerenciamento e prevenção risco rodoviário, além de ministrar orientações de como reduzir os fatores de risco de acidentes no transporte rodoviário. Na quinta-feira (09.11), às 8h, haverá uma simulação de vazamento de gás no gasoduto.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114