Artigos

Infeliz o povo que depende de uma eleição
Amadeu Roberto Garrido de Paula
Nossa democracia tem solução - e não é intervenção
Fellipe Corrêa
Restaurar o futuro
Coriolano Xavier
Saúde e fake news
Luiz Evaristo Ricci Volpato
As Redes Sociais podem acabar?
João Alves Daltro
» mais
Comentar           Imprimir
Geral
Segunda, 13 de novembro de 2017, 22h01

Projetos sociais são selecionados em Workshop


.

Com o objetivo de aproximar ainda mais a Polícia Militar (PM) da sociedade e valorizar as pessoas que contribuem com a prevenção à violência, a Coordenadoria de Polícia Comunitária e Direitos Humanos (CPCDH), realizou nesta sexta-feira (10.11), o 1º Workshop de Prevenção da Criminalidade ‘ Segurança Pública direito e responsabilidade de todos’.

Reunindo moradores e policiais militares da região, quatro projetos sociais de prevenção a criminalidade que funcionam na região foram indicados pela comunidade para serem avaliados. O evento foi realizado no Ginásio de Esportes João Batista Jaudy no bairro Planalto, em Cuiabá.

A bancada de avaliação foi formada por policiais militares, convidados e representantes da comunidade e do Conselho Comunitário de Segurança Pública (Conseg). Cinco requisitos foram definidos pela Coordenadoria para serem avaliados pelos jurados, contribuição direta e indireta para a segurança pública, resultados obtidos, visibilidade social e quantidade de pessoas atendidas.

As atividades sociais tiveram 30 minutos para a apresentação ao júri. Nesta primeira fase, foram selecionados três projetos, sendo o 1º lugar para Bandi – Banda Musical. Os vencedores disputarão grande final com outros projetos que também serão selecionados nos próximos workshops, ainda este ano.

Ainda receberão as edições do evento os do 1º, 9º, 24º, 4º, 25º Batalhões da Polícia Militar e a Base Comunitária de Segurança Pública do bairro São Matheus, em Várzea Grande. A grande final será realizada no Comando Geral da Polícia Militar, prevista para dezembro deste ano.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114