» mais
Comentar           Imprimir
Geral
Segunda, 08 de janeiro de 2018, 15h39

Chuva continua volumosa em MS e MT


ClimaTempo

Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e o sul de Goiás vão continuar com bastante instabilidade nesta terça-feira (9). Os três estados já tiveram chuva volumosa no fim de semana, passando de 50 mm em diversas localidades, e a previsão ainda indica chuva forte.

 

A permanência de um sistema de baixa pressão atmosférica entre o Brasil, o Paraguai e a Bolívia mantém as áreas de instabilidade ativas entre Mato Grosso do Sul, o oeste e sul de Mato Grosso nesta terça-feira. O tempo segue fechado com chuva em vários momentos do dia e o risco de chuva forte e volumosa permanece.

Acompanhe as temperaturas para Campo Grande (MS) e Cuiabá (MT) nos próximos dias.

 

Apesar de alguns períodos de sol nas demais áreas de Mato Grosso e no sul de Goiás, o céu continua com muitas nuvens e é alta a chance de chuva forte no decorrer do dia.

 

Instabilidade enfraquece em GO e no DF
Ao mesmo tempo que essas áreas continuam com bastante chuva, a instabilidade vai começar a enfraquecer sobre o centro-norte de Goiás e o Distrito Federal. A Alta subtropical do Atlântico Sul (ASAS) volta a influenciar o tempo e tende a diminuir as áreas de nuvens mais pesadas. O sol reaparece com mais força nesta terça, faz calor e as pancadas de chuva com raios retornam à tarde e a noite. Nos próximos dias, a quantidade de pancadas de chuva será menor em Goiás e no Distrito Federal.

Foto: Wilan Nascimento

 

Acompanhe as temperaturas para Goiânia (GO) e Brasília (DF) nos próximos dias.

 

Temporais nesta segunda
No início da tarde desta segunda-feira (8) um temporal atingiu Brasília e a região de Águas Emendadas, no Distrito Federal. A estação automática do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) registrou 11,4 mm em duas horas em Águas Emendadas.
Em Mato Grosso do Sul, onde a chuva caiu desde cedo, o começo da tarde foi marcado por chuva forte em Três Lagoas. Foram 17,4 mm no período de duas horas, pelo INMET. O município de Silvânia, no centro-sul de Goiás, acumulou 13,6 mm em uma hora.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114