» mais
Comentar           Imprimir
Geral
Sábado, 14 de abril de 2018, 12h38

Exames definitivos de drogas passam a ser entregues em até 24h


.

Os laudos definitivos de drogas passam a ser entregues em até 24h pela Diretoria Metropolitana de Laboratório Forense da Politec. A agilidade foi possível graças à adoção de uma nova dinâmica de plantão que conta com o apoio de mais seis técnicos cedidos pela Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas).

Segundo o gerente de perícias em Química Forense, Jaime Trevizan Teixeira, o incremento dos servidores foi essencial para que se colocasse em prática a rotina de trabalho.

“O Laboratório Forense da Politec conta com os peritos de plantão que são responsáveis pelas perícias em drogas encaminhadas pelas Polícias 24h por dia. Com o auxílio dos técnicos conseguimos otimizar o trabalho dividindo as etapas desde o recebimento, a preparação dos materiais até a análise do perito e redação do laudo. Antes, uma análise que levava em média 100 dias para ficar pronta, agora, conseguimos fazer em no mínimo 30 minutos’’, destacou.

Conforme o perito, as análises de entorpecentes são feitas em dois principais métodos. O primeiro é a análise preliminar, feito através do teste colorimétrico, cujo resultado é obtido mais rapidamente.

“Este método nos fornece o primeiro nível de qualidade, mas pode trazer resultados falso-positivos, dependendo do tipo de substância periciada. Por isso, o nosso procedimento padrão é realizar o exame definitivo, que consiste no segundo nível de qualidade, feito com o equipamento infravermelho, possibilitando a identificação técnica da composição química do material’’, explicou.

Na nova dinâmica, as amostras das substâncias enviadas do interior do Estado que compõem a maior parte da demanda de passivos, são priorizadas. Conforme Trevizan, em quinze dias de plantão, 100 laudos já foram concluídos.

A partir da conclusão, os laudos são disponibilizados digitalmente para as autoridades policiais e judiciais no Sistema Politec Online. “Com isso aumentamos a capacidade de produção de laudos, aceleramos a entrega dos mesmos e aumentamos a certeza dos resultados’’, acrescentou.

 

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Sobre taxação do agronegócio em MT, o que você sugere?

Não deve ser taxado e fica como está.
Muda o discurso e industrialize
Apenas fogo de palha. Logo se acertam.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114