» mais
Comentar           Imprimir
Geral
Terça, 05 de junho de 2018, 16h07

Cedca promove capacitação do SIPIA para conselheiros em Cuiabá


.

A capacitação do Sistema de Informação para Infância e Adolescência (SIPIA CT), voltada para conselheiros municipais tutelares e de direito, começou nesta segunda-feira (04.06). O evento segue até o dia 06 de junho, na Escola de Conselhos, localizada na Rua General Valle, nº 567, no Bairro Bandeirantes, em Cuiabá.

A formação tem como objetivo fornecer aos conselheiros todo o conhecimento necessário para a utilização do SIPIA CT e fortalecer a presença dos profissionais nos processos de elaboração, execução, monitoramento e a avaliação de políticas públicas voltadas aos direitos da criança e do adolescente. Participam do evento 24 conselheiros.

De acordo com a professora Juliana Bortolini, durante as aulas são realizadas oficinas de orientação com recursos didáticos e aulas práticas no laboratório de informática para que os conselheiros se adaptem ao programa. A carga horária total do curso é de 36 horas e a certificação será realizada pela Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat).

Entre os municípios que participam da capacitação estão: Barra do Bugres, Cáceres, Campo Novo do Parecis , Colniza, Curvelândia, Jaciara, Lambari D’ Oeste, Nova Marilândia, Nova Olímpia, Santa Rita do Trivelato, São José do Povo, Sapezal, Serra Nova Dourada, Tapurah

A capacitação é realizada pelo Conselho Estadual da Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca-MT) em parceria com a Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas-MT), por meio de um convênio firmado com a Secretaria de Direitos Humanos (SDH), do Governo Federal. A meta é que até o fim da formação 933 conselheiros tutelares e de direito dos 141 municípios do Estado de Mato Grosso sejam capacitados.

SIPIA CT

O SIPIA CT é um instrumento de apoio à gestão municipal em direitos da criança e do adolescente. É uma ferramenta de fortalecimento do trabalho dos conselheiros tutelares, acessada pela internet, que facilita a aplicação da Lei 8.069 de 13 de julho de 1990 (Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA). Ele oferece ao conselheiro tutelar a oportunidade de qualificar sua participação como ator estratégico intersetorial da rede de proteção, promoção e defesa dos direitos da criança e do adolescente.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

O futuro político de Pedro Taques será:

Candidato a prefeito de Cuiabá em 2020
Voltar a operar na área de Direito
Não me interessa, problema dele.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114