» mais
Comentar           Imprimir
Geral
Sexta, 08 de junho de 2018, 12h05

Certificado Veterinário para viagens com cães e gatos aos EUA passa a ser digital


Os donos de cães e gatos que pretendem viajar aos Estados Unidos com seus pets já contam com autorização digital para emissão do Certificado Veterinário Internacional (CVI) em todo o país. O documento é necessário nas viagens com esses animais de estimação. É mais prático, rápido e econômico tirar a autorização dessa forma com o CVI saindo em até 48 horas. A validade nesse destino é para apenas uma viagem.

Quando houver acordo com todos os países, a economia para o setor público com o serviço será de R$ 13,5 milhões por ano, com queda de 86% em relação a despesa atual e, para os usuários, de R$ 5,2 milhões por ano (redução de 48% nos gastos), segundo estimativa do Ministério do Planejamento que desenvolveu a plataforma. Os próximos acordos previstos são os do Mercosul e com a União Europeia. O governo investiu R$ 467 mil no projeto e prevê retorno em 13 dias de funcionamento do sistema.

Atualmente o usuário gasta R$ 1.476,41 entre a solicitação, serviços veterinários (vacinas e testes nos animais), entrega da documentação e retirada da autorização, somando 11 horas neste périplo. Com o processo todo digitalizado (incluindo a comprovação das vacinas e a sorologia) o usuário vai gastar R$ 956,18, pelas projeções do ministério.

No site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, as normas para o trânsito de animais de estimação estão entre os serviços mais acessados pela população. Cerca de 10 mil pessoas solicitam o CVI anualmente. Esse tipo de demanda exige que sejam mantidos 215 profissionais (194 veterinários) nas 80 unidades da vigilância agropecuária internacional, o Vigiagro, nos aeroportos, portos e postos de fronteira. Com a digitalização serão necessários apenas 28 veterinários em dez unidades do Vigiagro.

Veja o que é necessário para a emissão por meio do Portal de Serviços do Governo Federal

Demais informações são obtidas no site do MAPA

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A onda 'não eleja parentes' pode afetar Emanuelzinho Pinheiro?

Afeta pois o pai Emanuel tem várias denúncias por corrupção
Não afeta e segue separado dos problemas do pai
Tanto faz, o povo não não leva a sério o voto.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114