» mais
Comentar           Imprimir
Geral
Quinta, 08 de novembro de 2018, 17h25

Prédio do Arquivo Público passa por melhorias na infraestrutura


Com o objetivo de preservar a memória administrativa de Mato Grosso, melhorar as atividades internas e externas e o atendimento à população, o prédio da Superintendência de Arquivo Público, unidade ligada à Secretaria de Estado de Gestão, passa por reformas no telhado. Em uma segunda etapa da obra, o parte elétrica será reestruturada e o local será pintado.

Para o Secretário de Estado de Gestão, Ruy Carlos da Fonseca, a reforma trará melhorias e valorização aos servidores do órgão, além de mais qualidade no atendimento à população que frequenta o local. “Esse prédio é muito antigo e estava precisando dessas melhorias, que nos proporcionarão melhores condições de atendimento ao público.

Há cerca de 10 anos o prédio histórico construído na década de 1940 e tombado pela Secretaria de Estado e Cultura não passava por melhorias em infraestrutura. O local abriga o Arquivo Público do Estado de Mato Grosso desde 2003, uma instituição centenária criada em 1896 durante o governo de Antônio Correa da Costa para preservar o patrimônio documental do Estado.

A Superintendente do órgão, Vanda da Silva, ressalta que as melhorias trarão mais qualidade de vida aos servidores da instituição e um ambiente mais produtivo e com condições dignas de trabalho.

Vanda informa também que em razão das adequações o órgão poderá suspender as atividades de atendimento ao público temporariamente. “Pode ser que precisemos suspender o atendimento ao público temporariamente para preservar nosso acervo durante as reformas. Pois, é necessário cuidados especiais com a documentação. Mas se isso for acontecer avisaremos ao público com antecedência”.

O término desta primeira etapa da obra está previsto para meados de dezembro.

Reconhecimento

No mês passado cerca de dois mil documentos manuscritos do Arquivo Público, referentes à Capitania de Mato Grosso do período Colonial (1768-1822), passaram a integrar o Registro Nacional do Brasil do Programa Memória do Mundo (MOW) da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

O acervo ficou entre os dez selecionados que foram avaliados junto a 29 outros conjuntos de documentos. Um fator importante na seleção foi a organização dos arquivos de acordo com a Norma Brasileira de Descrição Arquivística (Nobrade), seguidas à risca pela equipe do Arquivo Público. A entrega do registro oficial será realizada no Rio de Janeiro no dia 12 de dezembro deste ano.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114