» mais
Comentar           Imprimir
Geral
Quarta, 06 de março de 2019, 17h12

Parceria viabiliza projeto sobre segurança nas escolas de Várzea Grande


As parcerias celebradas entre a Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer com secretárias, iniciativa privada e órgãos setoriais das esferas municipais, estaduais e federais têm viabilizado a implementação de projetos em várias áreas no município, beneficiando centenas de alunos das escolas da rede pública de Várzea Grande.

Um exemplo dessa iniciativa exitosa é a implantação do Projeto “Paz e Segurança na Comunidade Escolar” executado desde 2017 em parceria com a Secretaria Municipal de Defesa Social, através da Guarda Municipal. Este ano, o projeto vai atender em sua primeira etapa, 11 escolas num total de 22 escolas tanto da área urbana como também as unidades de campo.

Segundo a coordenadora pedagógica da Guarda Municipal, professora Márcia Maria Oliveira, o Projeto Paz e Segurança na Comunidade Escolar tem como objetivo desenvolver nos alunos valores importantes para a formação de suas capacidades morais, intelectuais e sociais, relativos à paz e à não violência. Através do projeto são promovidas palestras educativas sobre temas como: Família, Autoestima, Bullying, Ciberbullying, Doenças Sexualmente Transmissíveis, Estatuto da Criança e Adolescente (ECA), Sexualidade, Drogas Lícitas e Ilícitas, Tráfico de Pessoas, entre outros.

A primeira escola a receber o Projeto este ano foi a EMEB “Aristides Pompeo de Campos” no bairro Cidade de Deus, no início de fevereiro. De acordo com GM Silva Neto, os trabalhos são desenvolvidos pela equipe do Programa “Crack, é possível vencer” e acontece em quatro momentos distintos: A apresentação à equipe gestora, a apresentação do projeto aos professores, o envolvimento dos pais e responsáveis pelo aluno no projeto e finalmente a realização das palestras para os alunos nos períodos matutino e vespertino.

Para o secretário Silvio Fidelis, os temas abordados pelas palestras do projeto são assuntos relevantes, atuais e urgentes para alunos e comunidade escolar. “O debate sobre problemas tão polêmicos tem que ser fomentado entre alunos, pais, gestores e este projeto proporciona esses momentos na escola. Conscientizar os estudantes sobre esses assuntos e apontar alternativas para o convívio amistoso entre todos também deve ser priorizado na rede municipal” declarou.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114