Artigos

Infeliz o povo que depende de uma eleição
Amadeu Roberto Garrido de Paula
Nossa democracia tem solução - e não é intervenção
Fellipe Corrêa
Restaurar o futuro
Coriolano Xavier
Saúde e fake news
Luiz Evaristo Ricci Volpato
As Redes Sociais podem acabar?
João Alves Daltro
» mais
Comentar           Imprimir
Justiça e Direito
Quinta, 18 de janeiro de 2018, 16h17

Juízes: TJMT anuncia vagas de remoção e promoção


O presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargador Rui Ramos Ribeiro, anunciou por meio de editais voltados aos juízes a existência de quatro vagas em concurso para remoção e uma vaga a ser provida por promoção.

Os editais foram disponibilizados no Diário da Justiça Eletrônico (DJE) que circulou nessa quarta-feira (17 de janeiro).

De acordo com o Edital nº 3/2018, há uma vaga no Concurso de Remoção para a Vara Única da Comarca de Guiratinga (a 328km de Cuiabá) - Primeira Entrância, que será provida pelo critério de merecimento.

Já o Edital nº 1/2018-PRES prevê uma vaga no Concurso de Remoção para a Vara Única da Comarca de Dom Aquino (166 km ao sul de Cuiabá) - Primeira Entrância, que será provida pelo critério de merecimento.

O Edital nº 2/2018-PRES divulga a existência de uma vaga no Concurso de Remoção para a Vara Única da Comarca de Nortelândia (253 km a médio-norte de Cuiabá) - Primeira Entrância, que será provida pelo critério de antiguidade.

Por fim, o Edital nº 4/2018-PRES torna público uma vaga no Concurso de Remoção para a 1ª Vara da Comarca de Campo Novo do Parecis - Segunda Entrância, que será provida pelo critério de merecimento.

A vaga de promoção consta do Edital 5/2018-PRES, que versa sobre o Concurso de Promoção para a 1ª Vara da Comarca de Juína (735 km a noroeste de Cuiabá) - Segunda Entrância, que será provida pelo critério de merecimento.

As inscrições deverão ser realizadas no endereço eletrônico http://mcm.tjmt.jus.br, a partir das 12h do dia 19 de janeiro até às 19h do dia 23 de janeiro, anexando - via digitalizada - a declaração de residência permanente na comarca em que jurisdiciona (endereço completo), bem como certidão de inexistência de processos conclusos fora dos prazos legais e de não ter dado causa a adiamento injustificado de audiência, nos últimos dois anos (com selo de autenticidade).

Veja os editais AQUI.
 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114