» mais
Comentar           Imprimir
Justiça e Direito
Terça, 13 de março de 2018, 11h35

Juízes e servidores recebem capacitação sobre PJe


Foto: Otmar de Oliveira
.

A expansão do Processo Judicial Eletrônico (PJe) já é realidade no Poder Judiciário de Mato Grosso e, por isso, as capacitações seguem a todo vapor para o bom manuseio da ferramenta. Com isso, magistrados e assessores de quatro comarcas participaram de treinamento, na Escola dos Servidores, de terça a sexta-feira (6 a 9 de março) da última semana.

O instrutor Rosivaldo Rodrigues explicou que algumas pessoas que fizeram o curso já utilizam o PJe e outros ainda não manusearam a ferramenta, mas que todos participaram para ter mais esclarecimentos e tirar dúvidas.

“Alguns magistrados já utilizam o PJe, então quando chegam aqui no treinamento tiram muitas dúvidas e dizem o que desejam do sistema. Até sugerem melhorias, pois tiveram dificuldades, já encontraram problemas, então o sistema fica melhor construído com a participação dos magistrados e assessores”.

A juíza da Comarca de Rio Branco (356km a oeste de Cuiabá), Daiene Vaz Carvalho, considera o treinamento de fundamental importância para que os magistrados consigam utilizar a ferramenta da melhor maneira possível para que os processos andem com a celeridade necessária.

“O treinamento ensina sobre assinaturas em lote e movimentação em lote de processos que têm andamentos iguais, que no dia a dia você acaba utilizando muito. Então é de fundamental importância para que as pessoas que utilizam a ferramenta possam fazê-la da melhor maneira possível, a fim de que a prestação jurisdicional chegue ao jurisdicionado de forma célere”, avaliou.

Na Comarca de Nova Mutum (264 km ao norte) tramitam aproximadamente três mil processos nos juizados especiais, incluindo mandados de segurança. Para a juíza da Segunda Vara Cível, Luciana Moretti, as capacitações sempre acrescentam, principalmente porque o professor tem explicado as ferramentas e pastas contidas no sistema. “Agora a gente vai saber extrair todos os recursos do sistema, porque muitas vezes procuramos algo no PJe e acabamos não encontrando por falta de conhecimento”.

A juíza disse também ser muito importante o programa ‘On the Job’, implantado recentemente pelo Tribunal de Justiça, que leva os instrutores até as comarcas para auxiliar magistrados e servidores no ambiente de trabalho, depois que eles passaram por treinamento. “Agora é uma etapa muito importante. Com a capacitação estou esclarecendo algumas dúvidas, vou voltar para Nova Mutum, colocá-las em prática e devem surgir mais dúvidas, por isso vai ser tão importante os instrutores irem até lá para a gente conseguir sanar e trabalhar da melhor forma possível com o PJe”.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

A onda 'não eleja parentes' pode afetar Emanuelzinho Pinheiro?

Afeta pois o pai prefeito Emanuel foi flagrado no caso do paletó furado.
Não afeta e segue separado dos problemas do pai
Tanto faz, o povo não não leva a sério o voto.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114