» mais
Comentar           Imprimir
Justiça e Direito
Quarta, 06 de fevereiro de 2019, 10h11

Blitzes apreendem bens de devedores de IPVA, mas sistema on line do governo é falho


Enquanto o governo do Estado coloca nas ruas frotas de guinchos para apreender veículos com o IPVA atrasado, esses mesmos "devedores" tentam pagar na PGE (Procuradoria Geral do Estado) ou Sefaz,  seus débitos, mas vivem uma via crucis.

No governo de Pedro Taques (aquele que é suspeito de bisbilhotar a vida alheia com grampos) a PGE era uma lástima. Processos de 10 anos parados e nenhuma solução. A burocracia e má vontade era a marca registrada do "órgão". O Estado não arrecadava e o "devedor" não conseguia resolver o problema - muitas vezes causado pelas pirotecnias que a Sefaz inventa com medidas baixadas a qualquer hora...

Agora, no governo Mauro Mendes, a cobrança endureceu e a Polícia Militar que poderia estar fazendo o papel de segurança para a população tornou-se cobrador de impostos junto com as dezenas de blitizes pela cidade de Cuiabá (e interior também).

Há dias contribuintes, agora devedores, buscam negociar suas dívidas (por mais injusta que seja a cobrança) porém continuam a enfrentar problemas na PGE com lentidão, burocracia e falta de solução (o que representa pagamento de salário para o servidor - claro).

Desses sofrimentos, um cidadão diz que está há dias tentando resolver sua questão via on line, mas não consegue e busca uma orientação para o problema. E não é erro do cidadão/refém, mas sim do próprio sistema que responde "código de caracteres inválido". 

Uma barraquinha como solução

Empresário, conhecedor das dores de cabeça que os órgãos públicos aplicam ao contribuinte, o governador Mauro Mendes bem que poderia, ao invés de blitzes para apreender os veículos, instalar dezenas, centenas, de unidades móveis com servidores da Sefaz renegociando essas dívidas. Isso mesmo, montar um balcão e facilitar a vida do cidadão que, mesmo indignado, vai se sentir no mínimo respeitado pelo Governo. 

Dessa forma os tais mutirões de negociação não vão ter necessidade pois, de fato, o governo estará facilitando a vida do contribuinte.




 

Em dezenas de tentativas a resposta era código de caracteres inválido!

 

Horários diferenciados e a mesma mensagem de erro. Problema se repete Há dias com o contribuinte.

Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114