» mais
Comentar           Imprimir
Justiça e Direito
Segunda, 11 de fevereiro de 2019, 15h04

Ribeirinho Cidadão: presidente e corregedor participarão do Dia D em Poconé


O presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, e o corregedor-geral da Justiça, desembargador Luiz Ferreira da Silva, participam na próxima quarta-feira (13 de fevereiro) do Dia D do projeto Ribeirinho Cidadão em Poconé, município localizado a 104km de Cuiabá. As atividades serão realizadas no Sesc CAP – Centro de Atividades de Poconé, das 8h às 18h.

Segundo o magistrado, ele tem acompanhado o andamento dos trabalhos, como os atendimentos que têm sido feitos à população ribeirinha. “Tenho conversado com doutor Tony [juiz José Antonio Bezerra Filho] e com doutor Rodrigo Curvo, do meio ambiente, e eles têm me passado esses atendimentos. E o número está muito grande, realmente. Tem atendimento superando as nossas expectativas, e a gente ainda está no início, né? Temos visto que o projeto a cada dia que passa está melhorando”, afirmou o presidente.

Carlos Alberto destacou ainda que a população ribeirinha das 46 comunidades que serão atendidas no total espera ansiosa a chegada do Ribeirinho Cidadão por lá. “A gente sabe que eles comparecem, mas é sempre bom conclamar a população para que esteja presente, para que vá buscar os seus direitos, vá ver alguma possibilidade de melhoria ali na sua região”.

O desembargador Luiz Ferreira da Silva disse que irá acompanhar o presidente na visita. “Quando eu fui vice-presidente e corregedor do TRE, eu estive presente lá. Sei da importância do projeto Ribeirinho. Desta feita, eu não puder ir à abertura por conta de agenda já completamente preenchida, mas pedi para a nossa auxiliar, a juíza Edleuza Zorgetti, que lá se fez presente representando a Corregedoria, assim como a Ceja, Comissão Estadual Judiciária de Adoção, também mandou representante e está na Caravana”, destacou.

Conforme o desembargador, na edição em que participou ele conseguiu o empréstimo de uma parabólica do Tribunal Regional Eleitoral do Pará, o que permitiu a emissão de títulos eletrônicos e a realização da biometria de muitos ribeirinhos. “Eu acho que esse projeto é importantíssimo e que precisa que mais pessoas incorporem a iniciativa, porque ela é composta por voluntários. Todo mundo que tiver ciência desse projeto pode se cadastrar aqui no Tribunal, para que na edição do ano que vem possamos descer um pouco mais rio abaixo para alcançar mais pessoas. Se um dia a gente puder fazer o rio inteiro, realmente será o ápice do projeto”, complementou.

Dia D – Este ano, na 12ª edição do projeto Ribeirinho Cidadão, um diferencial é o atendimento em terra à população local e comunidades vizinhas. São ofertados atendimentos jurídicos e de cidadania, além de serviços médicos. No dia 13 de fevereiro, também será realizado um casamento social, ofertado de forma gratuita à população poconeana.
 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114